Cruzeiros

Diário de Viagem: Cruzeiro Disney de 7 noites pelo Oeste do Caribe – dia 3

Este post conta do terceiro dia da nosso cruzeiro da Disney pelo Oeste do Caribe à bordo do Disney Fantasy. Para ver a primeira parte desse diário de viagem, clique aqui.

Cruzeiro Disney de 7 noites para Oeste do Caribe

Dia 3

Acordamos relativamente cedo este dia, animados para curtir Cozumel, no México; mas logo que abrimos a cortina da nossa varanda, vimos que o tempo estava bem diferente do que a gente espera quando vai visitar algum lugar do Caribe. Nos deparamos com chuvinha fina e um dia meio acinzentado, mas tudo bem. Nada que fosse afetar nosso ânimo.

Para este dia, a nossa programação não envolvia nenhuma excursão da Disney. Optamos por fechar um passeio à parte e reservamos um carro na Alamo, então a gente tinha toda flexibilidade para fazer nosso horário da maneira que achássemos melhor.

Tempo nublado em Cozumel.

Tempo nublado em Cozumel.

Tomamos café no Cabana’s sem pressa, curtindo todas as delícias que eles oferecem por lá, sempre acompanhando o clima pelas janelas do restaurante. A essa altura a chuva já estava mais grossa, então resolvemos ficar um pouco mais no navio. Dei uma olhada rápida nas atividades e vi que estava rolando Toddler Time na parte do Andy’s Room (de Toy Story, sabe?) do clube infantil. Este é um horário em que o espaço fica aberto para crianças pequenas (como a Julia) brincarem, já que só crianças com 3 anos ou mais podem curtir os clubes infantis no horário normal.

Juju curtiu horrores: tentou interagir com outras crianças, tentou abraçar algumas também, correu o espaço todo, tropeçou 250 vezes e gastou bem sua energia. Saindo de lá, resolvemos enfrentar o clima ruim e descer do navio.

Ao chegar no primeiro andar para desembarcar, a chuva tinha apertado ainda mais. Sabe aquelas chuvas fortes de verão? Era basicamente nesse nível de força, só que não parou rapidinho como acontece normalmente com chuvas de verão. A essa altura a gente obviamente já tinha desistido de fazer a programação que tínhamos planejado inicialmente (que envolvia uma praia mais privativa), inclusive de alugar carro. Só estávamos afim de passear pela cidade mesmo.

Só chuva! Óbvio que a gente deixou a câmera bem protegida quando a chuva apertou, então imagine que o dia foi daí para pior!

Só chuva! Óbvio que a gente deixou a câmera bem protegida quando a chuva apertou, então imagine que o dia foi daí para pior!

Aceitamos as capas de chuva que os funcionários da Disney nos ofereceram na saída do navio, adicionalmente às capas que eu e a Julia já trouxemos (Felipe que é teimoso não quis colocar a dele na mala). Passamos por todo o processo de desembarque mas foi eu pisar em Cozumel e já desisti. Achei que a chuva estava forte demais para sair meio sem rumo com a Julia. Ela ainda é um bebê de um ano e a idéia toda me pareceu meio furada.

Diferente dos parques, o lado bom de quando chove e você está fazendo um cruzeiro da Disney, é que você ainda pode curtir praticamente todo o navio! Sinceramente para mim não dá nem tempo de ficar triste pelos planos que foram literalmente por água abaixo. São tantas as opções de atividades legais, que eu já vou logo escolhendo outra coisa para fazer.

Enquanto uma galera resolveu enfrentar a chuva, Julia e eu curtimos o navio bem mais vazio.

Enquanto uma galera resolveu enfrentar a chuva, Julia e eu curtimos o navio bem mais vazio.

O Felipe quis dar uma volta em Cozumel mesmo assim, então ele saiu com a minha mochila e capa de chuva (que além de roxa, não cabe nele direito – o preço da teimosia!), e eu voltei para o navio com a Julia. Demos uma volta pelo Fantasy e logo percebi que estava sem meu celular, mas nem liguei muito porque o Felipe estava com a minha mochila e eu sabia que o celular deveria estar lá mesmo. Eu perco meu celular toda hora mesmo, então já nem dou muita trela pra mim mesma quando isso acontece. 😛

Depois de passear um pouco, voltamos para o quarto porque a Julia precisava dormir um pouco depois de brincar tanto. Enquanto ela dormia, eu aproveitei para escrever um pouco aqui para o blog e não demorou muito o Felipe voltou. Como a Julia ainda estava dormindo, ele só trocou de roupa e foi na academia correr um pouco. Perguntei do meu celular e depois de tirar tudo da mochila, vimos que não estava lá. Ainda assim, de novo: eu já estou tão acostumada com a minha habilidade de perder as coisas que não fiquei muito preocupada não.

Continuei mexendo no blog/lendo um livro até o Felipe voltar e a Julia acordar, então fomos para o Guest Service perguntar sobre meu celular perdido e lá estava ele! Foi encontrado no Andy’s Room, no clube infantil. Entre tirar uma foto da Julia e sair correndo atrás dela, provavelmente larguei em qualquer canto. Aproveitamos que já estávamos no Guest Service e pegamos um carrinho de bebês emprestado para usar com a Julia dentro do navio.

Um pouquinho mais de Cozumel nesse dia chuvoso.

Um pouquinho mais de Cozumel nesse dia chuvoso.

Você pode pegar carrinho por lá sem pagar nada (só uma multa caso você não devolva, lógico), mas há uma quantidade limitada. Sinceramente a gente não curtiu muito a experiência porque o carrinho era meio grande para andar nos corredores do navio, então logo desistimos dele, que ficou largado no canto do quarto.

Fomos almoçar e como a chuva tinha dado uma trégua, resolvemos aproveitar um pouco as piscinas e principalmente o playground molhado com a Julia. É uma pena crianças com fralda não poderem usar as piscinas, mas o espaço do playground molhado é muito gostoso.

Depois bateu aquela canseira pós piscina então tomamos banho e descansamos um pouco. Felipe dormiu, Julia dormiu (de novo) e eu tirei um cochilo rápido e depois fiquei lendo um livro na varanda do deck 4 (na verdade eu fui mesmo comprar um café, mas depois fiquei por lá).

Ah! Este era o dia da festa de Halloween no navio, uma festinha rápida e super legal. Na verdade são vários eventos de Halloween durante o cruzeiro, mas este foi o dia para todo mundo colocar sua fantasia para a festa com os personagens. Nesse dia também é possível tirar foto com os personagens com fantasias super fofas. Então, ainda antes do jantar arrumamos a Julia com sua fantasia de abelinha e fomos para a festa. Assim como acontece em Orlando na Mickey’s Not So Scary Halloween Party, não me canso de me impressionar com a dedicação de algumas famílias para este evento.

Os donos da festa!

Os donos da festa!

O destaque dessa viagem foi a família que o Felipe encontrou quando estava sozinho em algum corredor. Era uma família grande e eles estavam TODOS de algum personagem do Peter Pan.  O avô da família estava de Mr. Smee. Ele virou para o Felipe e falou:

– Cuidado, tem um crocodilo solto logo ali!

O Felipe deu risada e foi indo embora, e quando ele virou o corredor, lá estava a avó da família esperando ele, vestida de crocodilo e falando “tic-tac-tic-tac”. Sério, o que falar para uma família divertida dessas? Queria convida-los para passar o natal aqui com a gente!

Como acontece toda vez que a Disney faz um evento que envolve os personagens dançando com a gente, foi super divertido para todo mundo. Sério, não importa se você é criança ou adulto, não importa se você é aquele cara animado ou o mais tímido nas festas, uma coisa é certa: quando a Minnie ou o Mickey te derem trela na pista de dança, você vai ficar meio bobo e se achando super especial! É muito legal! 😛

Depois da festa jantamos no Royal Court, que é o nosso restaurante preferido do Disney Fantasy. Como sempre, a comida estava muito gostosa, mas a melhor parte foi a sobremesa. Ficamos no maior dilema do que pedir e acabamos pedindo 4 sobremesas ao todo, com o objetivo de experimentar um pouquinho de cada uma. No final das contas o nosso garçom resolveu trazer a sobremesa preferida dele também então foram 5 sobremesas para 2 pessoas (eu poderia falar que eram 3 contando a Julia, mas quem que eu to querendo enganar né? Foi só para mim e pro Felipe mesmo).

Quando ele veio com a quinta sobremesa a gente fez aquele charme do tipo “Ahhhhh, imagina! Que isso, não precisava.”, mas no fundo precisava sim, foi ótimo e a gente adorou! 😀

5 sobremesas para 2 pessoas sim. E ninguém aqui ficou arrependido depois não.

5 sobremesas para 2 pessoas sim. E ninguém aqui ficou arrependido depois não.

A animação e o açúcar no sangue foram tão grandes que demorou um tempo para a gente notar que a Julia tinha perdido um sapato. E lá fomos nós conversar no Guest Service sobre um item perdido pela segunda vez no mesmo dia. Aproveitando que a gente já estava no deck 3 fomos passear um pouco pelas lojas e demos a sorte de encontrar a família Peter Pan de novo. Realmente todos eles estavam demais, mas a avó-crocodilo estava insuperável!

Nessa noite, a Julia mostrou logo seu talento para as compras: foi até a prateleira de uma das lojas, pegou um Mickey de pelúcia e começou a abraçar o bichinho, a dar beijinho nele, e a ninar o Mickey. Obviamente, quando eu dei por mim eu já estava em frente ao caixa com a notinha fiscal em mãos pela compra do Mickey.

Sempre tem algo nas lojinhas que eu fico com vontade de comprar, não compro e me arrependo. Dessa vez foi essa caneca!

Sempre tem algo nas lojinhas que eu fico com vontade de comprar, não compro e me arrependo. Dessa vez foi essa caneca!

Depois do passeio, voltamos para o quarto e tomamos banho porque todo mundo tinha ficado cheio de purpurina da roupa da Julia. Como a gente ainda não estava com muito sono, eu e o Felipe assistimos Rei Leão enquanto a Julia alternava em ver um pouco do filme (mais quando tinha música mesmo) e brincar de dobrar e desdobrar meu pijama. Em seguida, fomos deitar torcendo para fazer um dia ensolarado no nosso próximo destino: Grand Cayman, nas ilhas Cayman.

 



  • Oi Jaqueline
    Obrigado pela mensagem, fico feliz que esteja curtindo!
    Os próximos episódios vão sair nos próximos dias 🙂
    Abs
    Felipe

  • Renata

    Oi Feliph, tudo bem?

    Vou falar pra ele sim! 🙂 Nossos planos iniciais eram alugar um carro e passar o dia em uma praia mais privativa, mas como chovia muito, ele basicamente deu uma volta pela cidade. 🙂

    Abraços,
    Renata

  • Renata

    Oi Yuri, tudo bem?

    hahahahaha ri alto com a situação com a sua chefe aqui! 😛 E nem me fale, nunca vou me perdoar de não ter tirado foto da vovó crocodilo! hahaha

    Sua mensagem nos deixou super feliz. É muito bom saber que a gente participou um pouquinho de uma viagem tão especial, e que você continua por aqui com a gente acompanhando os posts. Espero que a viagem de 2020 seja melhor ainda (quem sabe incluindo o cruzeiro? 😉 ), e que muuuuitas outras estejam por vir!

    Beijos,
    Renata

O Vai Pra Disney é um blog independente e não é um canal mantido pela The Walt Disney Company. As informações contidas nesses sites representam a opinião de seus autores, colaboradores e usuários. Walt Disney World Resort, nomes e logos são marcas registradas da The Walt Disney Company.