Hospedagem

Onde se hospedar em Orlando

Comecei a escrever esse post para mim mesma, já que pessoalmente, não acho simples a decisão de onde se hospedar durante uma viagem, ainda mais para quando estou indo para um destino novo. Em Orlando, sendo um dos principais destinos internacionais dos brasileiros, existem diversas opções disponíveis para se hospedar, o que às vezes mais confunde a gente do que ajuda.

Se quiser ver uma série de dicas para sua primeira viagem a Orlando, clique aqui.

Gosto de dividir todas estas opções em 4 categorias básicas: hotéis, resorts, casas alugadas e condos. Dentro de cada uma das categorias, existem diferentes faixas de preço por conta de outras variáveis: localização, serviços inclusos no pacote, capacidade máxima, etc.

Dicas para se hospedar em Orlando: Piscina no Rosen Inn, um dos hotéis mais populares entre os brasileiros que visitam Orlando

Piscina no Rosen Inn, um dos hotéis mais populares entre os brasileiros que visitam Orlando

Então para começar, neste post inicial quero explicar cada tipo de estadia acima mencionado, bem como os pontos fortes e fracos de cada um. A partir daí, nos próximos posts vou contar um pouco dos lugares que já nos hospedamos e como foi a nossa experiência. Clique aqui para ler as nossas avaliações de todos locais onde já nos hospedamos.

O que considerar na escolha da hospedagem em Orlando

Antes de mais nada, na hora de escolher onde você vai se hospedar, leve em consideração os seguintes fatores:

Tamanho do grupo: grupos maiores viabilizam alternativas que não seriam consideradas para grupo pequenos, como casas e alguns condomínios.

  • Duração da viagem: em viagens mais curtas ninguém tem muito tempo a perder. Nestes casos, se hospedar numa casa ou até mesmo num condo pode ser considerado trabalhoso demais. Cuidar da manutenção destes lugares também toma um tempo que você poderia gastar nos parques, shoppings ou restaurantes. Se o ritmo da sua viagem for mais calmo, talvez estas opções voltem a ser atrativas por fatores como preço e capacidade de hospedar muitas pessoas (clique aqui para ler nossas dicas para viajar com grupos grandes).
  • Proposta da viagem: você vai viajar para curtir os parques e as compras e só vai voltar para o hotel para tomar banho e dormir? Ou pretende passar alguns dias curtindo a piscina e as amenidades do hotel? É uma viagem para adultos ou existem crianças no seu grupo? Tudo isso também será decisivo na escolha de onde se hospedar.
  • Orçamento: um dos principais fatores. Os hotéis da Disney são incríveis, principalmente para as crianças, mas se eu fosse ficar em um deles toda vez que vou pra Orlando, eu não teria ido vezes o suficiente para escrever este blog. Na maioria das vezes, eles não cabem no meu orçamento.
Dicas para se hospedar em Orlando: Quarto do Rei Leão no Art of Animation dentro da Disney. É um sonho, mas dependendo da época, pode ter um preço salgado

Quarto do Rei Leão no Art of Animation dentro da Disney. É um sonho, mas dependendo da época, pode ter um preço salgado

Os tipos de hospedagem em Orlando

Comparado com outras cidades dos EUA, como Nova York, San Francisco, Los Angeles e até Miami, em Orlando você consegue encontrar boas opções de hospedagem, e com preços justos, muitas vezes, bem baratos. Sempre comparo os preços de hospedagem em Orlando com os de Las Vegas – que por conta dos cassinos, conseguem praticar preços bem baratos no quesito hospedagem.

Tendo estes pontos em mente, segue uma descrição breve de cada categoria de hospedagem que você vai encontrar. Espero que te ajude a fazer uma boa escolha de onde se hospedar.

Hotéis

Bom, acho que não preciso explicar o que é hotel, já que todo mundo deve conhecer certo? É aquela estrutura básica de quarto e banheiro que quase todo mundo já teve a oportunidade de dormir alguma noite na vida. As únicas diferenças que valem ser mencionadas é que:

  1. Na maioria dos hotéis americanos, você consegue hospedar até 4 pessoas num único quarto, pois em geral eles possuem duas camas de casal.
  2. Não são todos os hotéis nos EUA que oferecem café da manhã no valor da diária, daqueles mais comuns nos hotéis do Brasil e da Europa, com buffet e comida a vontade. Sim, a cada dia mais hotéis em Orlando estão passando a incluir esse tipo de refeição, até por conta das centenas de milhares de brasileiros que passam lá todos os anos, mas não espere um café tão completo quanto os que vemos por aqui no Brasil.

Algumas vantagens de ficar nos hotéis de cada complexo incluem aproveitar o transporte gratuito, horas a mais nos parques entre outras. Para saber mais sobre os benefícios dos hotéis da Disney clique aqui, e sobre os hotéis da Universal aqui.

Além disso, não deixe de ler quais são os cuidados que o Felipe e eu tomamos na hora de escolher um local para nos hospedar em Orlando com segurança, clicando aqui.

Dicas para se hospedar em Orlando: Quarto do Hilton Lake Buena Vista, hotel que fica dentro da propriedade da Disney, sem o preço salgado

Quarto do Hilton Lake Buena Vista, hotel que fica dentro da propriedade da Disney, sem o preço salgado

Resorts

Os resorts são hotéis que capricham nas amenidades, “hotéis de lazer”. Em geram possuem muitas piscinas, academia, quadras de esportes, além daqueles “tios” da recreação que ficam te chamando para gincanas que ninguém nunca quer participar. Alguns possuem até campo de golf e SPAs. Se o objetivo da viagem for descansar com calma e esquecer os problemas, os resorts podem ser uma excelente opção para se hospedar. Mas só os considere se você for curtir todo esse luxo que ele traz, porque você com certeza vai ter que pagar por isso, as famosas “resort fees“.

Dicas para se hospedar em Orlando: Piscinas do Four Seasons Orlando Resort. Como não amar o clima de um lugar que te dá essa vista linda do quarto?

Piscinas e lagos do Four Seasons Orlando Resort. Como não amar o clima de um lugar que te dá essa vista linda do quarto?

Casas alugadas

As casas costumam ser cogitadas para grupos grandes pelo seu preço bem atrativo e pela vantagem (e desvantagem) de que todo mundo está sempre junto. Se você for viajar num grupo de 20 pessoas, nem sempre todos terão os mesmos interesses ao longo do dia. Se uns vão para os parques e outros vão ao shopping, um bom jeito de manter todo mundo unido é alugar uma casa.

O lado ruim é que manter uma casa com 5 suítes não é fácil, então tome cuidado para não perder as suas férias limpando banheiro. Se você for cogitar alugar uma casa, para se hospedar tenha a certeza de que está alugando uma bem segura antes de fechar o negócio. Você não vai querer se preocupar com isso durante as suas férias, então desde já, verifique a localização da casa e se a mesma fica dentro de um condomínio fechado.

Eu acredito sempre na velha máxima “se a esmola é demais, o santo desconfia”, então aconselho a só fecharem uma casa quando tiverem realmente certeza absoluta de que ela não é furada. Volto a bater no ponto da localização porque eu nunca vi um anúncio de casa para alugar que não falasse que ela fica perto da Disney e nem sempre isso é verdade. Na verdade, na cidade de Orlando, a locação de curto-prazo para temporada, não é permitida pela lei de zoneamento, e por isso as casas que vemos anunciadas por aí, sempre ficam em cidades próximas como Kissimmee, Celebration, Winter Park, etc.

Casas alugadas podem oferecer uma excelente relação custo benefício mas faça a sua lição de casa bem direitinho para não cair em furada e perder a viagem. A gente conta nossa experiência de ficar em casa alugada e os prós e contras aqui.

Condos

Eu sou fã dessa opção, que para mim junta o melhor de todas as categorias anteriores:

  • Eles costumam ter pelo menos uma piscina bem grande e muitas vezes trazem outras amenidades de resort. Alguns até têm café da manhã incluso.
  • É como se fosse um apartamento, então você tem cozinha, sala de estar e alguns quartos.
  • Apesar de hospedar um bom número de pessoas, os apartamentos costumam ter no máximo 3 suítes e um sofá cama, ou seja, você não vai se sentir morando na casa do BBB com milhares de pessoas. Ao mesmo tempo, se o seu grupo for grande, com dois apartamentos, um do lado do outro, você também consegue manter todo mundo bem unido, enquanto ainda preserva uma certa privacidade.
  • O serviço de limpeza é opcional e cobrado a parte, ou seja, você se contrata quando quer e quando realmente achar necessário.
  • Possui a segurança de hotéis: portaria, recepção, segurança na porta e tudo o mais para garantir uma viagem sem preocupações.
  • O preço por pessoa também fica em algum lugar intermediário entre hotéis/resorts e casas alugadas, oferecendo uma boa relação custo benefício.
Dicas para se hospedar em Orlando: Sala e cozinha do Worldquest Resort, um dos condos nossos preferidos. 2 quartos e apartamento completo

Sala e cozinha do Worldquest Resort, um dos condos nossos preferidos. 2 quartos e apartamento completo

Sempre que ficamos em Orlando por um período um pouquinho maior (15 dias ou mais) procuramos ficar em condos, pois assim temos a liberdade de espalhar nossas coisas, não ter funcionários do hotel entrando no quarto todos os dias, e também poder cozinhar em casa, ou pelo menos fazer um café da manhã mais no nossos estilo.

Dicas para se hospedar em Orlando

Aqui, vão os pontos que o Fe e eu olhamos todas as vezes que temos uma viagem marcada para Orlando:

  • Definimos o orçamento e juntos, decidimos que na viagem, vamos gastar entre X e Y com o hotel. Isso significa que temos um valor bem claro na cabeça, de qual é o limite do valor da diária que iremos gastar e isso facilita muito a busca pela melhor opção. Clique aqui para descobrir o quanto de dinheiro você deve levar para Orlando.
  • Rascunhamos o nosso roteiro e assim, temos a idéia se vamos passar um pouco mais de tempo no hotel para poder aproveitar amenidades como piscina e tal. Se o roteiro está corrido, sabemos que vamos voltar pro hotel para tomar banho e dormir. Clique aqui para ver como nós fazemos o nosso roteiro de viagem a Orlando.
  • Buscamos pelo Booking, que tem um leque de opções bem grande, que incluí hotéis, resorts, condos e até algumas casas para locação. Porque o Booking? Porque quase todas as opções lá, podem ser reservadas com cancelamento grátis, ou seja, encontramos um hotel e reservamos na hora. Se mudarmos de idéia depois, podemos cancelar até alguns dias antes da viagem sem pagar multa nem nada. Clique aqui para ver as opções de hospedagem em Orlando pelo Booking.

Espero que você tenha gostado das dicas e se tiver mais idéias para compartilhar conosco e com os outros leitores, fique a vontade para nos contar na caixinha de comentários abaixo.



O Vai Pra Disney é um blog independente e não é um canal mantido pela The Walt Disney Company. As informações contidas nesses sites representam a opinião de seus autores, colaboradores e usuários. Walt Disney World Resort, nomes e logos são marcas registradas da The Walt Disney Company.