VPD Orlando - Vai Pra Disney
Preparativos da viagem

Como remarcar os ingressos dos parques de Orlando

Muita gente teve os planos de viagem de 2020 impactados pela pandemia do coronavírus e em meio a frustração de ter que adiar planos tão especiais, ainda precisa lidar com a burocracia da remarcação da viagem. Hoje quero falar de um dos assuntos que mais gera perguntas por aqui: os ingressos dos parques de quem tinha planejado viajar nessa época e as alternativas de remarcação de cada um.

Já falamos aqui sobre as principais dicas para planejar (ou replanejar) uma viagem que faça sentido e também sobre o que esperar da lotação dos parques em 2021, mas, independente de você ter ou não uma data certa para viajar, se você já tem ingressos para visitar os parques de Orlando ou está planejando comprá-los, precisa se atentar para alguns pontos sobre remarcação.

É importante lembrar que a regra de um parque não se aplica a outro e você precisa entender as regras de todos os parques que comprou ingressos antecipadamente. Esse não é um assunto que dá pra simplesmente esquecer e resolver depois, pois dependendo do seu caso, você precisará tomar algumas decisões agora.

Política de remarcação de ingressos para quem já comprou

Remarcação de ingressos da Disney

Como a Disney não permitiu em nenhum momento o reembolso dos ingressos dos parques, apenas a remarcação, é importante se atentar tanto com a validade que aparece na sua conta do site da Disney, o My Disney Experience, quanto com prazos para possíveis alterações.

Aqui, existe alguns cenários diferentes e vou explicar todos eles para você ver em qual caso você se encaixa. De qualquer forma, para todos, o ideal é você começar no My Disney Experience para checar a validade do seu ingresso.

Para quem não conhece, o My Disney Experience é a plataforma digital da Disney onde você pode criar uma conta e cadastrar seus ingressos, como explicamos aqui.

Com os ingressos na conta, você consegue ver a validade atualizada no próprio site. Basta entrar no menu do My Disney Experience, ir na opção “Meus Planos”, e escolher “Tickets e Memory Maker”, como na imagem abaixo.

print do site My Disney Experience mostrando a validade dos ingressos.
Dá pra checar a validade do ingresso no My Disney Experience!

Para quem tem ingressos com data de uso marcada para o período em que os parques estavam fechados

Nesse caso, a validade foi automaticamente estendida para uso em qualquer dia até 26/09/2021. Se seus ingressos estiverem com essa validade no My Disney Experience e você for viajar nesse período, tudo certo, não precisa se preocupar.

E se eu não puder viajar até essa data?

Se por acaso você estiver com os ingressos com validade para usar até 26/09/2021, e não puder remarcar a viagem para até essa data, poderá tentar trocar para uma data futura pelo My Disney Experience, como mostramos aqui, ou diretamente com o seu canal de vendas. Quem é cliente do VPD Travel pode só pedir pra gente que nossa equipe cuida disso!

Digo “tentar trocar” porque aqui o cenário é mais obscuro, já vimos casos em que o My Disney Experience dava opção de alterar a data, e casos em que a opção não estava sequer disponível na conta. Se a opção “Change Tickets” não aparecer pra você, mesmo assim é possível tentar com o seu canal de vendas ou direto com a Disney na central, como ensinamos aqui.

print mostrando a opção de remarcar os ingressos da Disney pelo sistema My Disney Experience
Ingressos com a opção de alteração direto pelo My Disney Experience.

Para quem tem ingressos “on Hold”

Muita gente optou por adiar a decisão de remarcação e deixou o ingresso “em pausa” ou “on Hold” até agora. Para quem optou em deixar o ingresso on hold, a validade não foi estendida automaticamente pela Disney e você precisa definir até dezembro de 2020 a nova data de uso, que pode ser em qualquer dia de 2021. 

Comprei o ingresso depois da reabertura, mas vou precisar mudar

Se você mudou seus planos e precisará alterar a data da viagem, você ainda poderá mudar a data de uso dos seus ingressos para qualquer dia até 31/12/2021, pelo próprio My Disney Experience.

Infelizmente, a Disney não dá opção de remarcar para depois disso e não deixa claro se será possível alterar essa data para 2022 no futuro. Pelo que eles dizem hoje, não será possível. Eu sei, não tem cabimento nenhum, mas quem dá essas regras é a Disney. Honestamente, acho que eles estão como todo mundo, tentando se adaptar, então gosto de acreditar que no futuro será possível remarcar sim – apenas porque acho que é a coisa decente deles fazerem mesmo, mas não dá pra contar com essa possibilidade agora.

E o valor muda?

Em qualquer dessas opções que falei, as mudanças nos ingressos poderão ter uma taxa a ser paga se a nova data escolhida for mais cara do que a data original do ingresso. Caso seja uma data mais barata, a Disney não reembolsa o valor da diferença, e nesse caso a alteração precisa ser feita no My Disney Experience.

Imagem de um ingresso da Disney, com uma MagicBand rosa ao fundo. Remarcar os ingressos da Disney pode ser um pouco mais complicado!
Entenda direitinho todos os casos e regras!

Dicas gerais pros ingressos Disney

Independente de qual seja o seu caso, sempre é importante você ficar atento à essas dicas.

Verifique tudo!

Antes de qualquer decisão, cheque no My Disney Experience a validade dos seus ingressos. Infelizmente a Disney é uma empresa grande precisando criar adaptações para os planos de milhares de pessoas de uma vez só, e nem sempre essas novidades funcionam da maneira perfeita.

Ao longo dos meses vimos diversos casos de ingressos que não foram alterados automaticamente quando deveriam ser, de ingressos com opção de remarcação pela plataforma enquanto outros casos exatamente iguais estavam sem essa opção, enfim, existe uma inconsistência mesmo. Por isso, veja direitinho qual o status da validade dos seus ingressos e se for necessário, peça apoio do canal de vendas onde você comprou!

Disney Park Pass

Desde a reabertura dos parques é necessário agendar a data da visita pelo sistema de reservas Disney Park Pass, pois os parques estão operando com capacidade reduzida. As opções de reserva estão disponíveis para datas até 14 de Janeiro de 2022, e é preciso ter um ingresso vinculado na sua conta do My Disney Experience para reservar. Veja aqui nosso passo-a-passo do Disney Park Pass ou se preferir, é só dar play no vídeo:

Você consegue checar com antecedência quais datas e quais parques estão disponíveis na data que planeja visitar os parques, viu? Veja aqui neste link.

calendário mostra a disponibilidade para agendar a visita aos parques da Disney, importante na hora de remarcar a visita.
Calendário com a opção de parques disponíveis para agendar!

Não esqueça da opção de troca por um novo ingresso no Guest Relations

Se você tem um ingresso já expirado, seja porque não se atentou ao prazo de alteração ou porque não conseguiu fazer a mudança que precisava, pode fazer a troca por um novo ingresso válido em Orlando, com o Guest Relations, o atendimento ao cliente da Disney.

Cada um dos parques têm um Guest Relations na entrada e outro do lado de dentro, além da unidade de Disney Springs, e ali você consegue resolver a maioria das burocracias relacionadas a ingressos, reservas, ou seja, problemas em geral, e consegue também fazer essa troca por um novo ingresso. O funcionário vai te passar o valor a ser pago, caso a nova data seja mais cara, e emite ali mesmo um novo ingresso válido.

Também dá pra resolver pessoalmente no Guest Relations

O lado ruim é que desse jeito você não consegue agendar antecipadamente os Fastpass+ e a data das visitas pelo Disney Park Pass, então o ideal é resolver antes mesmo, mas se não tiver conseguido por qualquer motivo, é bom saber que essa alternativa existe.

Remarcação de ingressos da Universal

A Universal têm uma oferta variada de ingressos, então a remarcação vai depender não só do tipo do ingresso como também do canal de vendas.

Para quem adquiriu ingressos de 14 dias de visitas ilimitadas para o ano de 2020, o chamado Park Explorer, automaticamente a validade foi estendida para 17/12/2021, você não precisa solicitar a reemissão dos ingressos nem nada do tipo.

Quem tinha ingressos de 2 ou 3 dias de visitas aos parques, comprados até o dia 14 de Agosto desse ano de 2020, a validade original do ingresso é de 1 ano a partir da data da emissão. Você pode checar no próprio e-ticket essa validade.

Imagem do globo que é a logo da Universal, na entrada do parque temático em Orlando.
A remarcação na Universal varia de acordo com o tipo de ingresso!

Para quem comprou depois dessa data, os ingressos vêm com dia marcado para início do uso, e nesse caso a alteração do dia inicial pode ser feita pelo aplicativo da Universal ou pessoalmente no atendimento ao cliente deles. Há também a opção do ingresso sem data, flexível, mas por um preço maior.

A Universal também têm alguns ingressos promocionais que tiveram validade estendida, que são:

  • Promoção 3 parques – 3 dias: a validade original era 22/05/2020 e foi alterada automaticamente para 18/12/2020.
  • Promoção 3 parques – 4 dias: a validade original era 22/05/2020 e foi alterada automaticamente para 18/12/2020.
  • Promoção 2 parques – 2 visitas + 2 grátis: a validade original era 18/12/2020 e foi alterada automaticamente para 17/12/2021
  • Promoção 3 parques – 2 visitas + 2 grátis: a validade original era 18/12/2020 e foi alterada automaticamente para 17/12/2021.

Para quem não vai conseguir viajar nesse período, mesmo com a extensão de datas pela Universal, a saída é procurar o canal de vendas e ver se eles estão oferecendo alguma opção. No VPD Travel estamos conseguindo manter um crédito em dólares com o valor pago, sem prazo para uso, depois é só pagar a diferença para a emissão de um ingresso válido pro período da sua viagem, se ele estiver mais caro que o original, se não é só emitir um novo mesmo.

IMPORTANTE: Independente de qual seja o ingresso Universal que você tenha comprado, lembre de fazer qualquer mudança antes da data de validade acabar, pois depois disso o ingresso realmente expira e eles não permitem que seja reemitido ou alterado e o valor é perdido.

Para os parques da Universal não é necessário agendar com antecedência a visita.

SeaWorld

Para quem comprou ingressos do grupo SeaWorld (que inclui também os parques Busch Gardens e o Aquática) até o dia 16 de Março de 2020, automaticamente a validade foi estendida para uso em qualquer dia até 31/12/2021, então você não precisa precisa pedir a reemissão do ingresso nem nada, já estão com a validade maior. Bem que os outros parques podiam ter simplificado como o SeaWorld, né? Palmas pro SeaWorld!

Para quem comprou ingressos desde a reabertura dos parques, em 11 de Junho, a validade é de 1 ano a partir da data da emissão. 

Imagem da entrada do parque Busch Gardens, com uma placa de boas vindas. A política de remarcar ingressos desse grupo é bem simples.
O Busch Gardens faz parte do grupo SeaWorld, e a política dos ingressos é bem simples!

Aqui vale a mesma dica que dei aí em cima pros ingressos da Universal: caso você não consiga viajar no período de extensão dos ingressos dado pelo parque, cheque com o canal de vendas se estão oferecendo alguma opção de remarcação.

Todos parques do grupo estão funcionando com capacidade reduzida e com agendamento antecipado da visita, que deve ser feito nos seguintes links, nos sites de cada parque: SeaWorld, Busch Gardens, Aquatica.

Outros ingressos e reservas

  • Legoland, Kennedy Space Center e as atrações do ICON Orlando 360 (o antigo iDrive): estão oferecendo remarcação ou reembolso sem custo em quase todos os canais de venda, então vale também checar direitinho. Nesses casos, só é cobrada uma taxa adicional se o ingresso que estiver sendo reemitido estiver mais caro do que o que você comprou.
  • Hotéis: nem todo canal de venda oferece opção de remarcação da hospedagem, mas se for uma possibilidade e diante da subida do dólar, pode ser uma forma de economizar, já que é um valor que você já pagou e provavelmente numa cotação menor. Alguns canais permitem deixar o valor em aberto sem prazo de validade para remarcação, outra opção bacana em termos de cotação. Lembre que se você for viajar em um período de alta temporada, por exemplo, pode ter que pagar a diferença de tarifa. Quanto aos cancelamentos, a maioria dos hotéis oferecem cancelamento gratuito, mesmo próximo da viagem, mas existem exceções, principalmente em sites como Booking e Hotéis.com que trabalham com tarifas diferentes para opções com e sem cancelamento (geralmente mais baratas!), então veja qual tipo de tarifa você comprou.
  • Cruzeiros: a Disney Cruise Line nunca decepciona e nesse momento tão difícil de viagens adiadas não seria diferente. Para quem teve o cruzeiro cancelado, a Disney está oferecendo um crédito adicional de 25% do valor da tarifa original do cruzeiro para remarcar para uma nova data, além da possibilidade de viajar em até 15 meses da data original. Eles também oferecem facilidade no adiamento de cruzeiros que acontecem em 2021, e a possibilidade de alteração da data até 15 dias antes da viagem, sem multa, para cruzeiros até 31 de Maio de 2021.
Imagem do navio Disney Fantasy no mar, com a praia ao fundo.
Quem teve cruzeiros cancelados tem bastante flexibilidade pra remarcar!

E quem ainda vai comprar ingressos? O que acontece se precisar remarcar?

Disney

Aqui vale a mesma regrinha que falei aí em cima para quem comprou ingressos desde a reabertura dos parques. Se você precisar remarcar os ingressos, pode fazer isso pelo My Disney Experience, ou com o canal de venda caso o ingresso tenha sido emitido em até 90 dias. É possível alterar o dia de uso para qualquer data de 2021, mas dependendo da data, pode ser que você tenha que pagar a diferença de tarifa do ingresso, já que a Disney vende ingressos com preços que variam de acordo com o dia de início do uso.

Universal, SeaWorld, outros parques e reservas

Aqui a principal dica é: se atente para a validade dos ingressos antes de comprar.

A Universal vende os ingressos com data marcada para 2 e 3 visitas dos parques, que pode ser alterada pelo site deles, mas também tem opção do ingresso de 14 dias que vale até o fim de 2021, além de ofertas de ingressos promocionais. Mais uma vez, fique de olho nas validades, especialmente em promoções.

O SeaWorld, a Legoland e o iCon Orlando 360 têm a maioria dos ingressos com validade de 1 ano a partir da data da compra.

Quarto do hotel Pop Century, com uma cama de casal e outra dobrável que vira uma mesa com duas cadeiras.
Os hotéis, inclusive os da Disney, tem uma política de cancelamento e remarcação bem flexível!

O mesmo vale para os hotéis, não deixe de entender certinho as taxas e políticas de cancelamento e remarcação, mas a maioria deles está com políticas bem flexíveis, com cancelamentos sem multa até 5 dias antes do check-in. É o caso dos hotéis da Disney e da Universal.

Sei que esse é um assunto meio chatinho, mas é importante para essa fase que vivemos. Espero ter ajudado e que você comece em breve a replanejar uma viagem ainda mais especial. 🙂

Já conhece nossos outros sites?
Compre ingressos, hospedagem e cruzeiros com desconto no VPD Travel, a agência do VPD.
Veja as dicas de Nova York no VPD NY.
Vídeos toda semana no nosso canal do Youtube.
Siga a gente também no Instagram!