VPD Orlando - Vai Pra Disney
Parques

Disney Skyliner: o que você precisa saber sobre esse transporte da Disney

O Disney Skyliner é o passeio aéreo pela propriedade da Disney em uma gôndola decorada com personagens: em qualquer outro lugar no mundo este tipo de programação seria considerada uma atração à parte, mas na Disney é só um meio de transporte mesmo – e nem por isso ele deixa de ser super especial!  

O Skyliner é relativamente recente (existe desde setembro de 2019) e durante a sua construção eu tive muito pé atrás com esse projeto, mas fiquei muito contente de ver que eu estava extremamente enganada! O Skyliner é um meio de transporte efetivo, agradável e super prático. Além de tudo, é gratuito, o que é um detalhe super importante! 

Foto da paisagem da entrada do Hollywood Studios, com várias gôndolas do Skyliner suspensas.
Eu não amei muito essa ideia no início, mas agora sou fã!

Estou devendo esse post faz um tempão mas antes tarde do que nunca né? Hoje quero contar tudo que você precisa saber sobre o Disney Skyliner tanto se você só quiser conhecê-lo para um passeio como se você pretender usá-lo constantemente como meio de transporte. 

Aliás, tá aí a minha desculpa perfeita pra demora do post. Até pouco tempo, eu tinha usado muito o Skyliner pelo passeio mesmo ou até pra ir de um parque para outro, mas nunca tinha precisado contar com esse transporte como parte do plano de viagem. Mais recentemente, decidi testá-lo mais intensamente, ficando em um dos hotéis que ele passa e contando apenas com o transporte da Disney (incluindo o Skyliner) para transitar pelo complexo. O post demorou mas vai sair bem mais completo depois dessa experiência. 😉

O que é o Disney Skyliner? 

O Skyliner é uma alternativa de transporte que liga dois dos parques temáticos, o Epcot e o Hollywood Studios, a alguns hotéis do complexo: 

O transporte é feito em compartimentos fechados presos a um cabo de aço, que a Disney chama de gôndola, mas que no fundo são iguais a um bondinho ou teleférico. São ao todo 5 estações e as gôndolas vão passando por elas uma atrás da outra, como em uma fila em movimento contínuo. O ritmo do Skyliner é bem lento, então a gente embarca na gôndola enquanto ela está em movimento mesmo. Aliás, o embarque e desembarque é exatamente nos mesmos moldes de várias atrações do parque. 

Foto de uma das gôndolas do Disney Skyliner, laranja e decorada com personagens do Toy Story.
Esse detalhe das gôndolas decoradas com personagens d˜ão todo aquele clima Disney ao Skyliner

As gôndolas são espaçosas, bem ventiladas e tem lugar pra todo mundo ficar sentado (na verdade eles pedem pra ninguém levantar durante o trajeto mesmo). Boa parte das gôndolas são decoradas com personagens da Disney na parte externa, o que dá um charme super especial ao Skyliner. Não tem como escolher qual gôndola você vai visitar, mas no fundo pouco importa se a sua é decorada ou não e qual o personagem está na parte externa dela, porque o legal mesmo é ficar vendo a decoração das outras gôndolas enquanto você está fazendo o seu passeio. Também sempre perco um minutinho olhando as gôndolas quando estou chegando ou saindo do Hollywood Studios ou quando estou andando pelo pavilhão da França ou do Reino Unido no Epcot. É tão bonitinha e sempre fico curiosa pra ver os personagens que estão passando. Não tem como negar que o Skyliner deu um charme a mais a paisagem dos parques.

Foto da estação do Skyliner no Epcot.
Essas gôndolas foram uma adição bem fofa à paisagem!

Por dentro, todas as gôndolas são iguais: contam com dois bancos de madeira bem longos, um de frente pro outro. As laterais e parte superior são translúcidas pra gente ter boa visibilidade durante todo o passeio e há também umas aberturas na parte superior pra ventilação. Aliás, o meu maior pé atrás com o Skyliner da Disney antes do seu lançamento era justamente a ventilação.

Quando eles anunciaram que o Skyliner não teria ar condicionado, eu na mesma hora pensei “xiiiiii, vai ser muito abafado!” mas surpreendentemente não é! Ele realmente fica muito ventilado graças às pequenas aberturas na parte superior; e durante a noite dá até pra ficar com um pouco de frio, pelo ventinho que faz! Enfim, visitei o Skyliner dezenas de vezes, inclusive em dias MUITO quentes e sempre tive uma experiência hiper agradável e zero abafada lá dentro. 

As estações do Skyliner

Para entender melhor como funciona o Skyliner, é legal entender as suas estações. Sim, porque ele não funciona como uma linha única que passa em todas as estações, são ao todo 3 linhas diferentes no sistema de Skyliner da Disney. Calma que já vou explicar. 

As estações são as seguintes:

  • Pop Century e Art of Animation (uma estação só compartilhada pelos dois hotéis, que são vizinhos)
  • Caribbean Beach (aqui é o hub, onde todas as linhas se encontram)
  • Hollywood Studios
  • Riviera Resort
  • Epcot (na entrada próxima do International Gateaway, entre os pavilhões do Reino Unido e da França)
Imagem com um relógio e placas indicando a linha do Art of Animation e o Pop Century para a esquerda e do Riviera/Epcot e Hollywood Studios para a direita.
O Caribbean Beach é a Sé do Skyliner, e todas as linhas passam por ali!

Tecnicamente a gente pode até considerar que além dos hotéis que contam com uma estação, o Boardwalk Inn, Yacht & Beach Club, Swan e Dolphin também tem acesso a estação do Epcot principalmente, mas estes hotéis já contam com transporte de barco e até rota pra ir a pé tanto para Epcot como para o Hollywood Studios. Em geral o Skyliner não faria muito sentido pra eles a não ser para um passeio em um dia mais folgado da viagem mesmo.

Imagem do mapa das linhas do Skyliner.
Esse é o mapinha das linhas do Skyliner que passam pelos parques e hotéis

É bem mais fácil entender as rotas do Skyliner com o mapa acima, mas só pra não deixar dúvida, são ao todo 3 linhas diferentes:

  1. Uma linha leva do Pop Century e do Art of Animation até o Caribbean Beach e vice-versa.
  2. Uma linha leva do Caribbean Beach ao Hollywood Studios
  3. Uma linha leva do Caribbean Beach até o Riviera e depois segue para o Epcot

Ou seja, quando eu me hospedei no Pop Century no mês passado, eu precisava primeiro pegar o Skyliner até o Caribbean Beach para só depois pegar a outra linha para o Epcot ou Hollywood Studios. Se um dia eu me hospedar no Riviera, vou poder pegar um Skyliner direto pro Epcot, mas se quiser ir pro Hollywood Studios, terei primeiro que passar no Caribbean Beach pra pegar a linha certa do Skyliner que me levará até lá. 

Imagem da placa indicando a linha atual do transporte, o Caribbean Beach, onde é possível fazer a baldeação para o Hollywood Studios, Riviera Resort e Epcot.
Pode parecer um pouco confuso na teoria, mas na prática é bem simples entender as linhas do Skyliner!

Não precisa ficar preocupado em se perder nas linhas não. Todas são bem sinalizadas e tem sempre funcionários da Disney te auxiliando no embarque e desembarque que podem tirar qualquer dúvida. O único ponto que precisa de alguma atenção é na estação que fica no Riviera. 

Como a gente entra no Skyliner pra ir até o Epcot mas antes ele para no Riviera, eu que sou super ansiosa sempre tenho o ímpeto de já descer logo que a porta da gôndola abre no Riviera mesmo. Já inclusive desci errado e voltei correndo pra minha gôndola porque notei que ainda estava no Riviera. Minha dica aqui é só ter atenção redobrada nessa hora que a gôndola vai abrir e fechar no Riviera antes de te levar ao Epcot.

Dentro das cabines, além de música ambiente, existe uma espécie de narração falando um pouco sobre o Skyliner e alguns pontos do trajeto. Essa narração sempre te avisa em qual estação você está chegando então em último caso, é só ficar de ouvidos atentos. 

O que você precisa saber sobre o Disney Skyliner?

Não é uma atração: o Skyliner é um transporte muito gostosinho, mas é só um transporte mesmo e nada mais! Não é uma atração da Disney e acho importante esclarecer isso pra evitar decepções e avaliar com cuidado o seu esforço pra tentar encaixá-lo na sua programação de viagem. Ele não é imperdível nem nada do tipo. Vale a pena se você já quiser fazer uns dos trajetos que ele passa ou se estiver com um roteiro mais folgado. Caso contrário, outras atrações podem merecer mais o seu tempo.

Foto de uma das gôndolas do Skyliner, na cor laranja e com os aliens de Toy Story.
O Skyliner pode sim ter filas, mas fila já é parte da experiência da Disney, né? 😛

As filas são reais: quem vê o Skyliner todo bonitinho lá no alto pode não imaginar o tamanho das filas nos horários de pico. Perto da abertura e do fechamento dos parques as filas ficam gigantes. Quando eu estava saindo do Epcot, por exemplo, fui pegar a fila lá na entrada do Beach Club. Elas até andam rápido graças ao movimento contínuo das gôndolas, mas ainda assim separe um tempinho no seu planejamento para essa espera. Nesse dia da saída do Epcot, demorou 30 minutos entre eu entrar na fila e chegar na minha gôndola. Pra ser justa, nesse horário qualquer transporte demora mesmo, inclusive o caminho até o estacionamento pra buscar o carro também demora.

Foto de uma fila bem longa na frente de uma das estações.
Nos horários de pico, a espera pode ser similar aos outros transportes do complexo

Um ponto adicional sobre as filas é considerar também a possível baldeação. Na volta sempre fica mais fácil, mas na ida pode significar duas filas sim. Por exemplo, nesse exemplo do Epcot eu peguei 30 minutos pra entrar no Skyliner mas quando cheguei no Caribbean Beach, não tinha fila nenhuma pra entrar na próxima linha que me levava para o Pop Century. Isso acontece porque lá no Epcot tá todo mundo querendo voltar pro hotel ao mesmo tempo, mas o ritmo do Skyliner não dá conta do movimento, então se criam as filas enormes. Essas filas vão andando no ritmo que o Skyliner permite, e determinam também o ritmo da chegada das pessoas (ou parte delas) nas filas pras próximas linhas. Ou seja, cada pessoa que chega no Caribbean depois de ter enfrentado no Epcot, encontra a linha que leva pro Art of Animation e pro Pop livre e já entra num vagão.

Já na ida, a história é diferente. No meu exemplo, eu poderia pegar uma fila gigante pra pegar o Skyliner as 9h pra me levar pro Caribbean e chegando lá, poderia encontrar mais uma fila (que junta pessoas vindas do Pop Century e Art of Animation com outras do próprio Caribbean) para pegar a linha que vai me levar a um dos parques. Parece muita fila, né? Mas dá pra evitá-las com a dica mais básica e repetida de todas.

Chegue cedo: pra evitar as filas, é só fugir dos horários de pico. Perto do horário de abertura dos parques, as filas vão ficar gigantes, mas se você for bem cedo pro Skyliner, consegue evitar toda essa espera e ainda de quebra entra nos parques antes das multidões. Se existe algum encorajamento maior pra acordar cedo, eu desconheço.

Foto do lago com as gôndolas passando por cima e o Art of Animation ao fundo.
Dá pra ver os prédios do Art of Animation ali no fundo 🙂

Horário de funcionamento: em cada estação, você vai encontrar uma placa com os horários de funcionamento do Skyliner mas como regra geral ele funciona desde 1 hora antes da abertura do parque até 1h30 depois do fechamento. 

A gôndola não é sua: na entrada do Skyliner, tem sempre um funcionário indicando a gôndola que você deve entrar e pode acontecer dele direcionar mais de um grupo pra mesma gôndola. Normalmente eles deixam um grupo por gôndola nos horários de pouca fila e aumentam a capacidade dos compartimentos conforme a necessidade. 

Foto do banco de madeira dentro de uma das gôndolas.
Você pode sim dividir a gôndola com outros visitantes (sempre de máscara!)

É gratuito e todo mundo pode ir: nós mesmos fomos muito enquanto estávamos morando em Orlando. Se você for pra alguma estação de carro, precisa ter um motivo pra estar lá. Por exemplo, às vezes a gente ia comer algo na Boardwalk Bakery e depois passeava de Skyliner. Isso não é por conta do Skyliner, mas porque a Disney não deixa mais estacionar nos hotéis (especialmente os próximos de parque) sem um motivo claro para isso. Apesar disso, como eu já falei antes, o Skyliner não é exatamente uma atração, então se você não tiver um motivo pra estar perto de uma estação, talvez não justifique gastar muito do seu tempo de viagem só para esse passeio. 

Tempo de demora: só pra te dar uma idéia de quanto tempo você vai levar no seu caminho, abaixo você vê o tempo médio de cada linha do Skyliner.

  • Art of Animation e Pop Century > Caribbean Beach: 5 minutos
  • Riviera Resort > Caribbean Beach: 4 minutos
  • Riviera Resort > Epcot: 6 minutos
  • Caribbean Beach > Hollywood Studios: 5 minutos
  • Caribbean Beach > Epcot: 12 minutos

Conclusão sobre o Skyliner

O Skyliner é sensacional e rapidinho achou seu espaço entre os transportes da Disney! Ele foi uma ótima surpresa, conseguindo ser prático, gostoso, eficiente e te envolver ainda mais no clima da Disney.

Foto das gôndolas coloridas passando por cima da rodovia.

Tá certo que às vezes tem fila sim, mas onde na Disney que não tem uma fila de vez em quando, né? No fundo o Skyliner tem fila quando todas as outras alternativas tem também e durante o resto do dia, ele consegue ser muito mais ágil e prático do que outras formas de transporte. Não acho que ele deva ser encarado como uma atração, já que a Disney e Orlando tem outras atrações que valem muito mais o seu tempo de viagem, mas com a expectativa certa, é uma ótima adição ao complexo e uma boa ferramenta pra transitar por lá.