Hospedagem

Disney’s Port Orleans French Quarter Resort: melhor custo-benefício da Disney

Com várias promoções divulgadas para os hotéis da Disney todo ano, muita gente se interessa por alguns hotéis da Disney da categoria “moderada”, que são um pouco melhores do que os da categoria “econômica”. Se destaca entre esses o Disney’s Port Orleans French Quarter Resort, que em muitos meses do ano tem preços só um pouco acima dos econômicos All Star Resort e Pop Century.

Já nos hospedamos no Port Orleans algumas vezes (inclusive recentemente depois da reforma) e vamos contar aqui como foram nossas experiências no hotel.

Como é o Port Orleans French Quarter

O Port Orleans é dividido em dois hotéis, o French Quarter e o Riverside, que fica logo ao lado. Ambos retratam a cultura e estilo de Nova Orleans, cidade do estado americano de Louisiana conhecida pelo Jazz e a festa Madri Gras. O resort, inaugurado em 1991, é cortado pelo rio Sassagoula, onde várias atividades recreativas são praticadas durante o dia e onde balsas circulam entre os hotéis e o Disney Springs.

Entrada do Port Orleans French Quarter. Representação de Nova Orleans

Rio Sassagoula, que corta o resort e por onde passa a balsa que leva até o Disney Springs

O clima do Port Orleans French Quarter é muito tranquilo, e a decoração remete muito o bairro de mesmo nome de New Orleans e a festa Mardi Gras (que é tipo o Carnaval deles). Logo na entrada você já percebe as máscaras gigantescas e serpentinas espalhadas pelo lobby. Quando a Re era criança e se hospedava lá, ela tinha medo das máscaras, mas eu não acho nada de mais 🙂

A inspiração francesa também é muito presente. Nos prédios onde se localizam os quartos, é fácil notar os detalhes da arquitetura de Nova Orleans.

Prédio do Port Orleans, com inspiração na arquitetura francesa

O French Quarter está dividido em 7 prédios além do edifício principal onde se localiza a recepção, a lojinha do hotel e a praça de alimentação. Logo em frente, entre os prédios 5 e 2, também se localiza a piscina e a doca de embarque para as balsas do rio Sassagoula.

Caminhando entre os prédios, se estendem campos gramados enorme, onde as crianças brincam, alguns tomam sol e os jovens de reúnem no fim da tarde. Nem parecia que eu estava na Disney. Mas se quiser evitar o ruído um pouco mais intenso pela manhã, é melhor pedir para ficar nos prédios mais afastados (1, 6 e 7) e distantes da piscina.

Mapa do Port Orleans French Quarter

Mapa do Port Orleans French Quarter

Se hospedando no Port Orleans French Quarter

Os quartos do Port Orleans French Quarter são praticamente todos os mesmos. A diferença na tarifa vai ser de acordo com a vista do quarto, que pode ser o jardim, piscina, rio (a mais cara) e a padrão, que provavelmente vai ser algum estacionamento sem graça. O legal é que a diferença na tarifa entre os tipos de vista quase sempre é pequena. Outra variação que você encontra é no quesito camas: ou duas camas de casal ou uma cama king.

O quarto é bem espaçoso! Esse era o nosso, com duas camas de casal.

Lavatório duplo com todos os equipamentos necessários

Ah, vale mencionar também que os quartos do French Quarter passaram recentemente por uma modernização, e estão:

  • Sem carpete
  • Com tomadas USB
  • Colchões e travesseiros novos
  • TV gigante

Mesmo com a reforma, o banheiro continua seguindo o padrão americano de chuveiro na banheira.

Essas entradas USB facilitam a vida, né?

Mesinha de canto e TV bem grande!

Além de não terem carpete, os quartos novos tem essas camas com espaço embaixo, ótimo pra colocar as malas!

Os estacionamentos ficam na frente dos prédios 1, 3, 4 e 7. Para quem ficar nos prédios 2, 5 e 6, terá uma curta caminhada até o carro, mas que depois de alguns dias, eu confesso ter ficado um pouco de saco cheio. Por isso se você não curte uma caminhadinha, vale a pena pedir no momento da reserva e/ou durante o check in, para ficar nos outros prédios. Por outro lado, eles têm uma vista pior.

O check in foi tranquilo e a simpática funcionária da Disney nos explicou o mapa do resort, como funcionavam nossas MagicBands e como chegávamos no nosso quarto. Ao lado do lobby, a tradicional loja que todos os hotéis da Disney têm: souvenirs tradicionais encontrados nos parques e alguns itens de farmácia e supermercado para quem precisar de algo de última hora: protetor solar, band-aid, fraldas, shampoo alguns medicamentos, protetor labial, etc.

Recepção do French Quarter. Check in um pouco demorado, seguindo o padrão de qualidade (e um pouco de enrolação) da Disney

Mini-supermercado dentro da loja do hotel. Muito útil para uma emergência.

Como sempre, vinculamos o cartão de crédito às MagicBands para que pudéssemos usa-las como forma de pagamento nos parques. É realmente uma praticidade única. Deixava a carteira no cofre do quarto e ia para o parque só com a MagicBand no pulso. Ela serve como ingresso, Fastpass+ e também pra pagar nas lojas e restaurantes do complexo. Amo a Disney por essa invenção!

A comida do Port Orleans French Quarter

Diferente do seu irmão e vizinho um pouco mais rico, o French Quarter não possuí restaurantes a la carte. Ele tem uma praça de alimentação chamada Sassagoula Floatworks and Food Factory, onde são servidas uma variedade enorme de comidas: pratos de bife/frango/peixe/camarão com fritas, saladas, batata assada com recheios diversos, cheeseburguer, massas, sopas, sorvetes e por ai vai.

Como os outros hotéis da Disney, no French Quarter você encontra uma pizzaria que serve ali ou no quarto pizzas quentinhas até a meia noite. É um dos serviços mais legais da Disney!

Praça de alimentação do French Quarter. Muitas opções para uma refeição rápida.

Pizzaria que entrega nos quartos também

Não acho que a praça seja assim tão especial para comer ali todos os dias, sem sem dúvida é uma boa opção para comer depois de um cansativo dia de parque, sem pagar muito. Uma refeição por ali sai por volta de $15 dólares por pessoa.

O destaque da praça de alimentação vai para os Beignets, um item que só é vendido ali e é tradicional de New Orleans. É como se fosse um bolinho de chuva: uma massinha frita e coberta com muito açúcar fininho. E o melhor: em formato do Mickey, e não sei vocês, mas tudo que é no formato do Mickey eu acho mais gostoso 😉

Os beignets em formato de Mickey são a cara do Port Orleans!

Lazer e recreação no Port Orleans French Quarter

Assim como todos os outros hotéis da Disney, as opções de recreação do Port Orleans são bem variadas. Na beira da piscina, eles fazem todos os dias bingo, jogos de adivinhação, biribol, competição de bambolês, e uma infinidade de opções para as crianças (e alguns adultos também).

Além disso, o tradicional cinema ao ar livre também acontece no French Quarter, todas as noites.

Piscina linda do Port Orleans French Quarter

No rio Sassagoula, também são oferecidas algumas atividades pagas como pesca e passeio de cavalo. Outra opção legal é uma brincadeira onde as crianças se fantasiam de pirata, entram em um barco e vão procurar tesouros nas margens do rio. Todas essas atividades podem ser vistas no folheto de recreação que você recebe durante o check in e as que precisam ser previamente agendadas, podem ser marcadas no balcão de concierge do hotel.

Outra opção legal é alugar bicicletas para passear por aí. Lá você também encontra bicicletas familiares, daquelas em que todos pedalam juntos (e alguns folgam… tipo EU!).

Assim como os outros hotéis da Disney, o transporte de ônibus para os parques e de barco para o Disney Springs é frequente e eficiente. Se quiser saber mais detalhes sobre o sistema de transporte gratuito da Disney, clique aqui.

Ponto de ônibus do Port Orleans, com transporte para todos os parques

Conclusão sobre o Port Orleans French Quarter

Apesar de não fazer parte do grupo de hotéis luxuosos da Disney, o Port Orleans French Quarter é uma excelente opção para quem busca os benefícios de se hospedar dentro do complexo, com quartos modernos e reformados mas não quer pagar tão caro. Durante muitos meses do ano, a diferença entre o French Quarter e os hotéis da categoria econômica podem não ser tão altas, o que fazem dele uma ótima escolha a se considerar.

Cabendo no orçamento, vale a pena se hospedar aqui, com um quarto maior, hotel mais tranquilo e sem dúvida um melhor conforto durante as suas férias.

Como fazer sua reserva?

Para reservar sua hospedagem nos hotéis da Disney ou até mesmo só fazer uma cotação pra ver os valores para o período da sua viagem, os principais canais são:

  • Central de reservas da Disney: ligando conforme ensinamos aqui.
  • Site oficial da Disney: através desse link
  • VPD Travel: para cotações no nosso site de vendas com os preços especiais que negociamos para os leitores, basta clicar aqui
  • Agência de turismo ou operadora da Disney se você prefere fechar suas reservas através de uma agência ou operadora, pergunte pra ela a respeito das cotações ou procure nos sites.

Veja também aqui outras matérias que você pode se interessar:

 



O Vai Pra Disney é um blog independente e não é um canal mantido pela The Walt Disney Company. As informações contidas nesses sites representam a opinião de seus autores, colaboradores e usuários. Walt Disney World Resort, nomes e logos são marcas registradas da The Walt Disney Company.