Viagem do Leitor

Preparativos da viagem para Orlando por Luis Claudio

O Luis Claudio é um leitor muito querido do Vai Pra Disney, sempre engajado com o conteúdo do site, mandando perguntas e até mesmo nos ajudando a responder os comentários dos outros leitores. Em Outubro o Luis viajou para Orlando e logo que voltou ao Brasil, ele nos escreveu contando o que tinha visto e vivido na viagem. O conteúdo é muito legal e não podíamos deixar de publicar aqui na área Viagem do Leitor e em duas partes:

  1. Nesse post, o Luis fala dos preparativos e de suas conclusões sobre viagem
  2. Nesse outro, ele detalha o roteiro dia a dia.

Nas duas matérias o Luís divide muitas dicas sobre a experiência da família dele em Orlando. Vale muito a pena ler e ver o que vale a pena para vocês. Nós do vai pra Disney concordamos com muitas delas. Temos uma ressalva com relação a dica de levar malas grandes para os shoppings por uma questão de segurança (esse é sempre um chamariz para ladrões), mas na experiência do Luís, funcionou super bem e foi (literalmente) uma mão na roda. Vale avaliar o que é melhor para vocês e tenho certeza que o Luis divide muitas dicas interessantes nesse sentido. Espero que aproveitem a experiência dele assim como a gente!

Roteiro de viagem para adultos em Orlando

por Luis Claudio

Como tudo começou

O ano de 2014 começava e, então pensamos – O que fazer em nossas férias anuais? Conversa vai, conversa vem e então nos questionamos – Porque não realizar uma viagem internacional, e à Orlando para visitar a Disney ? Afinal, já havia um certo tempo desde que estivemos por lá (1996); em comum acordo, a família decidiu: é para lá que vamos.

Contamos aqui como trabalhamos a ideia, desde o planejamento até a volta para casa e também toda nossa experiência durante a viagem à Orlando – FL – EUA.

Preparativos

A princípio nem todos tinham toda a documentação necessária para uma viagem ao exterior; então providenciamos passaportes + visto americano para uns e “renovação de passaporte” para outros que já possuíam um visto americano válido, mas que na época da viagem estariam com o passaporte atual com prazo de validade fora da exigência legal. Com tudo resolvido nessa questão, partimos para o planejamento detalhado do passeio.

Início do planejamento: Fevereiro/2014; nesta fase definimos e descrevemos tudo o que pretendíamos realizar durante o passeio (período / o que visitar / comprar).

Período de viagem: 06 a 20/10/2014.

Composição do grupo: 3 (três) adultos, que gostam de muita adrenalina, e sem restrições.

Contratamos o pacote, sem ser excursão, contendo:

  • Aéreo com partida em 06/10 e retorno em 20/10 pela United Airlines. Vôo com 1 escala em New York.
  • Hospedagem em uma casa no condomínio Hapimag – Orlando Lake Berkely Resort em Kissimmee.
  • Carro tipo SUV, com GPS e retirada e devolução em MCO, pela Budget incluindo motorista adicional, quilometragem livre, passagem livre por pedágios e seguros contra incêndio, roubo e terceiros, para o período de 07 a 20/10/2014,
  • Ingressos parques da Disney (Magic Kingdom, Epcot, Hollywood Studios e Animal Kingdom), Universal  (Universal Studios e Islands Of Adventure), Sea World Parks (Sea World, Busch Gardens e Aquática).
  • Assistência saúde com a Assist Card.

Custo Total Final: $ 8.000 dólares com os itens acima todos contemplados. O contratado não detalhou os custos individuais para cada item do pacote. Entretanto, observamos que em pesquisas individuais o custo total final acresceria em US$ 1,000.00, caso contratássemos os serviços separadamente.

Fontes de consulta

Sites em geral

  • Vai Pra Disney
  • Outros

Melhores dias para cada parque

  • The Dibb
  • Undercover Tourist
  • Touringplans
  • easyWDW

Roteiro dia a dia

  • 06/10 – 2ª feira: Partida
  • 07/10 – 3ª feira: Chegada / Retirada do carro / Check-in hotel / Almoço / Walmart / Algumas compras / Jantar
  • 08/10 – 4ª feira: Magic Kingdom – (Fantasy Parade / Electrical Parade / Wishes)
  • 09/10 – 5ª feira: Aquatica
  • 10/10 – 6ª feira: Sea World
  • 11/10 – Sábado: Compras
  • 12/10 – Domingo: Hollywood Studios – (Fantasmic)
  • 13/10 – 2ª feira: Universal Studios
  • 14/10 – 3ª feira: Busch Gardens
  • 15/10 – 4ª feira: Compras + Halloween Horror Nights (US)
  • 16/10 – 5ª feira: Epcot – (Illuminations) + Jantar “Tutto Itália”
  • 17/10 – 6ª feira: Compras + NBA
  • 18/10 – Sábado: Animal Kingdom
  • 19/10 – Domingo: Islands Of Adventure
  • 20/10 – 2ª feira: Check-out hotel / Retorno

Para ver os detalhes do dia a dia do Luis Claudio e família, clique aqui.

Reservas antecipadas

  • Fastpass (fura filas): agendamos Fastpass+ (para os parques da Disney) com 30 dias de antecedência, já que a nossa hospedagem era fora do complexo Disney. Agendamos para as atrações mais recomendadas e acrescentamos a estratégia de visitar as atrações próximas ao Fastpass+ para evitar muita perda de tempo em deslocamento de uma para a outra. Para os demais parques (Grupo Universal = Universal Express Pass, Grupo Sea World = Quick Queue), não vimos necessidade de aquisição de “fura fila”.
  • Agendamos reserva no restaurante “Tutto Italia Ristorante” localizado no Epcot para o jantar de 16/10/2014 pelo aplicativo My Disney Experience com confirmação imediata no email informado. Na véspera do evento fomos alertados / notificados por email sobre o compromisso.
  • Aquisição de ingressos para participação no HALLOWEEN HORROR NIGHTS (Universal Studios).
  • Aquisição de ingressos para assistir ao jogo da NBA (Detroit Pistons X Orlando Magic) com o Vai Pra Disney.

roteiro-adultos-orlando-luis-12

Viagem de ida

  • Partida – 06/10 – GRU (Guarulhos) – 21:10, sem atrasos e/ou quaisquer inconvenientes.
  • Chegada – 07/10 – EWR (New York) – 06:00; chegamos 30 min antes do previsto, ou seja, 05:30.
  • Partida – 07/10 – EWR (New York) – 08:18.
  • Chegada – 07/10 – MCO (Orlando) – 11:09.
  • Serviço de bordo satisfatório, com boa alimentação e atendimento dos tripulantes aos passageiros.
  • Imigração / alfândega sem transtornos.

Retirada do carro

  1. Na retirada do veículo, recebemos um SUV KIA modelo Sorento, ano 2014, com tudo o que há de moderno tecnologicamente na industria automobilística.
  2. Foram oferecidos seguros adicionais, que recusamos.
  3. Recebemos o veículo com tanque cheio, e optamos pela devolução do mesmo sem a necessidade do tanque cheio; pagamos um valor extra por isso.

Check-in da hospedagem

O Hapimag – Orlando Lake Berkely Resort (Kissimmee) é condomínio de casas, tipo sobrados, bem cuidadas e equipadas, com excelentes acomodações, segurança e atendimento. O tempo de deslocamento de, no máximo, 30 min de carro até a maioria dos parques e outros entretenimentos. Próximo há um Walmart gigantesco, além de ótimos restaurantes.

roteiro-adultos-orlando-luis-5 roteiro-adultos-orlando-luis-6

Acomodações privativas:

  • 2 dormitórios (1 suíte e cofre de segurança) equipados com camas de casal (muito confortáveis), armários, rack para tv, tv de 32” (uma em cada quarto) e telefone;
  • Cozinha com balcão e equipada com geladeira, cafeteira, torradeira, cooktop + forno, forno micro-ondas, lava louças e todos o utensílios (panelas, pratos, talheres, copos, xícaras e mais);
  • 3 banheiros (1 da suíte com banheira, 1 no térreo e outro ao lado do segundo quarto);
  • Sala de Jantar composta por mesa, cadeiras e bancos para a bancada;
  • Sala de Estar composta por jogo de sofá – 2 e 3 lugares, rack para tv, tv de 40”, mesas de centro e canto, além de um deck como complemento;
  • Área de serviços composta por lavadora e secadora de roupas, individuais, aspirador de pó, varal e utensílios de limpeza (não produtos);
  • Ar condicionado central.

Além disso, o condomínio oferece serviços de lazer (academia, fitness center e piscina), internet sem fio (Wi-Fi) e estacionamento gratuito, com direito a 3 (três) vagas em frente a casa. As diárias do hotel (check-in) iniciam-se as 16h, entretanto, nos foi permitido que entrássemos às 13h, sem custos adicionais.

Na recepção (check-in) tudo é explicado minuciosamente, inclusive serviços opcionais e oferta de ingressos para compra (não os utilizamos). O acesso ao condomínio é único, com portaria e porteiro, e a entrada de veículos é via acionamento do controle remoto que o hóspede recebe no check-in juntamente com as chaves da casa.

Em nossa estada por lá, o hotel recebeu / guardou e nos entregou compras realizadas via internet e/ou em lojas físicas sem qualquer custo adicional. E mais, quer saber ?  “EM CASA FORA DE CASA”.

Primeira saída

  • Visita ao Mall At Millenia, com direito a almoço no The Cheesecake Factory e primeiras compras. Comida de excelentes qualidade e atendimento, a preço justo.
  • Visita ao Walmart para abastecimento da casa com frutas / sucos / águas / pães, snacks e biscoitos / frios / produtos básicos para limpeza (guardanapo, papel toalha e outros).
  • Volta para casa, jantar e descansar pois no dia seguinte começaria a “maratona”.

Minhas 15 recomendações finais

  1. A companhia aérea e os voos em si, a hospedagem, a aquisição de ingressos, o aluguel de carro e a assistência saúde (este não precisamos utilizar), estão RECOMENDADÍSSIMOS para quem deseja comodidade, conforto e segurança e, a preços justos.
  2. Sabe o que precisamos alterar da programação inicial prevista ? NADA. Mas caso fosse preciso, tínhamos opções para isso.
  3. Procure chegar na primeira hora da abertura das atividades (parques, compras e outros) para o melhor aproveitamento dos mesmos.
  4. Prepare-se psicológica e fisicamente, pois os parques são gigantes e você vai andar muito.
  5. Numa primeira visita por lá (não é o nosso caso), evite querer conhecer tudo de “prima”, pois é quase impossível e ficarás frustrado. Por isso, selecione os mais desejados, aproveite-os e pense em novas visitas.
  6. Na visita aos outlets é imprescindível ter uma mala gigante e com rodinhas, para carregar as compras.
  7. Os shows noturnos (Wishes – Magic Kingdom, Illuminations – Epcot e Fantasmic – Hollywood Studios) são simplesmente … ESPETACULARES; não são dispensáveis.
  8. Eventos especiais, tais como JOGO DE BASQUETE NBA (Detroit Pistons X Orlando Magic – adquirido com o VPD), FESTIVAL FOOD & WINE (Epcot) e HALLOWEEN HORROR NIGHTS (Universal Studios) valeram muito a pena participar.
  9. Se for viajar por conta, falar e entender o idioma inglês é fundamental para a comunicação com os nativos, principalmente em atividades fora dos parques; o “se virar” é relativo; Se em excursão, o idioma inglês básico já ajuda para muitas coisas, e não o torna totalmente dependente de seu Guia e/ou de viajantes do mesmo grupo, com conhecimentos.
  10. Lembre-se, o passaporte é seu documento oficial de identificação por lá … sempre carregue-o consigo.
  11. Tenha flexibilidade para alteração de sua programação diária, caso necessário; Ex.: em dias de chuva, existem parques que podem ser melhor aproveitados que outros.
  12. Se possível, não programe parques e compras no mesmo dia, pois o aproveitamento será deficiente em ambos.
  13. As farmácias (Walgreens / CVS Pharmacy) de lá parecem verdadeiros centros de conveniência.
  14. Achamos conveniente em dias de parque consumirmos alimentos leves, para facilitar a digestão e evitar surpresas ao ir às atrações após o almoço.
  15. Dirigir em Orlando é mais tranquilo do que se imagina, ainda mais com GPS e câmbio automático (maioria dos veículos dos EUA):
    • GPS – dê preferência àqueles com o idioma em inglês … são mais precisos e não te deixarão na “mão”, com certeza! – ouvimos relatos de turistas brasileiros que utilizaram o GPS com idioma em português de Portugal e, obtiveram resultados inesperados.
    • Obedecer as leis de trânsito americanas (que são como as daqui, mas algumas vezes esquecidas) e prestar atenção às placas sinalizadoras localizadas nas vias é fundamental para não haver surpresas desagradáveis em sua estada por lá.
    • Calibragem dos pneus do veículo: na volta do “Busch Gardens” o mesmo passou a apresentar um alerta no painel, e buscamos no manual do veículo o motivo – estava relacionado à calibragem dos pneus. Fomos a um posto de gasolina para calibrá-los e percebemos que por lá, os calibradores não são exatamente como os disponíveis nos postos daqui (normalmente digitais): são iguais àqueles utilizados em borracharias e lojas de pneus. O custo para o uso deles é de US$ 1, pago em 4 moedas de US$ 0.25 (quarters) e sem ajuda de frentista. Não sabíamos exatamente como operar o calibrador, mas contamos com a ajuda de um local.

Leia a segunda parte do roteiro do Luis, onde ele conta como foi o dia a dia da viagem, clicando aqui.

Se você assim como o Luis Claudio tiver histórias para contar sobre sua viagem para Orlando, ou quiser registrar como foi a refeição em algum restaurante da cidade, compartilhar o seu roteiro, ou ainda relatar como foi a estadia no hotel escolhido, nos escreva mandando o seu texto, fotos e vídeos e eles poderão ser publicados aqui no Vai Pra Disney. O endereço é viagemdoleitor@vaipradisney.com (lembrem-se que dúvidas não serão respondidas por esse e-mail, por favor use as caixas de comentários do site).



O Vai Pra Disney é um blog independente e não é um canal mantido pela The Walt Disney Company. As informações contidas nesses sites representam a opinião de seus autores, colaboradores e usuários. Walt Disney World Resort, nomes e logos são marcas registradas da The Walt Disney Company.