VPD Orlando - Vai Pra Disney
Comida

Receitas de Orlando: Torta de maçã e caramelo do Perkins

To tão feliz de dividir aqui a minha versão da maravilhosa torta de maçã com caramelo do Perkins. Esse é sem dúvida, o meu doce preferido de Orlando. Entra ano, sai ano e eu não enjôo dessa torta incrível que é o primeiro lugar do nosso top 10 doces de Orlando.

Conseguir replicar essa receita foi um magical moment, uma conquista pra mim nessa quarentena. Eu já tinha tentando replicar essa torta antes, há mais de 10 anos (sim, faz mais de década que eu amo essa torta) e já tinha até desistido.

Agora, porque VOCÊS pediram, eu resolvi tentar de novo e depois de uns 5 testes (Felipe não me aguenta mais com as tortas! kkk) deu certo! Acho que com o passar dos anos, aprendi a cozinhar melhor e principalmente analisar melhor as comidas que quero fazer.

torta perkins
A versão original.

Antes eu tinha tentando fazer a torta do Perkins pensando nos conceitos e regrinhas de confeitaria e tal, mas a torta do Perkins nunca tentou ser de confeitaria né? É aquela comida aconchegante, tipo de vó, que dá um abraço quentinho na gente. Então fiz o que avós fazem em suas receitas aconchegantes: ignorei todas as regras e fiz o que deu na minha cabeça. E não é que funcionou?

Então se tem ai alguém entendido de cozinha vendo esse post, já peço desculpas pelas técnicas absurdas usadas, mas você foi avisado: entramos no terreno das receitas de vó.

Minha versão da torta do perkins
Minha versão.

Pra ser sincera, não sei se é assim que o Perkins faz a torta deles, mas o que importa é que o resultado ficou BEM parecido. A gente inclusive comprou a torta deles e “analisou” (comemos inteira hahaha) e depu com os meus 5 testes. Aqui está o resultado, espero que você goste!

Aviso: pra fazer essa torta, você não precisa entender muito de cozinha nem nada, mas precisa ter MUITA paciência. São muitos pequenos processos e eu vou explicar um por vez, meio que na ordem que você tem que fazer, tá?

Sim, eu olho com amor pra torta, e é amor verdadeiro, de mais de 10 anos!
Sim, eu olho com amor pra torta, e é amor verdadeiro, de mais de 10 anos!

Receita da Torta de Maçã com Caramelo do Perkins

Ingredientes

Para caramelo

  • 1 xícara de açúcar
  • 1/2 xícara água
  • 3/4 xícara creme de leite fresco
  • Aprox. 30 gramas de manteiga (1 colher bem cheia de manteiga – tipo a do brigadeiro)
  • 1 colher de chá de essência de baunilha
  • 1 pitada generosa de sal

Para creme de caramelo:

  • 1 e 1/2 de xícara de leite
  • 3 colheres bem cheias de amido de milho
  • 3/4 de xícara do caramelo (etapa anterior)

Para massa

  • 2 xícaras de farinha
  • 75 gramas de manteiga
  • 75 gramas de gordura vegetal
  • 3 colheres de sopa de açúcar
  • Água (umas 4 colheres de sopa mais ou menos)

Para o recheio de maçã:

  • 6 maçãs, entre vermelhas e verdes
  • 1/2 xícara de açúcar
  • pitada de sal
  • 1/2 colher chá de canela
  • 2 colheres de sopa de limão espremido

Para a farofa crocante:

  • 120 gramas de manteiga gelada cortada em cubinhos
  • 1/2 xícara açúcar mascavo
  • 1/2 xícara açúcar refinado
  • 1 xic farinha

Modo de preparo

Caramelo:

Misture na panela a água e o açúcar. Dissolva sem usar uma colher, só mexendo o cabo da panela em movimentos leves. Quando o açúcar dissolver, ligue o fogo e deixe ferver até virar um caramelo âmbar, mexendo (sem a colher de novo) de vez em quando. Pode demorar um pouco, mas acredite e fique de olho, porque se você sair do lado da panela, ele vai queimar.

Desligue o fogo, adicione o creme de leite fresco e mexa com cuidado até ficar homogêneo. Parece que não vai dar certo porque primeiro empelota, mas continue mexendo que logo vai ficar um caramelo incrível.

Passe para um recipiente, adicione a manteiga gelada e o sal, misture até incorporar e por último, adicione a baunilha.

Separe 3/4 de xícara desse caramelo pra fazer o creme pra torta. O resto, você guarda pra enfeitar a torta depois de pronta e também para servir junto com as fatias (preferencialmente com uma bola de sorvete de creme do lado). Dura uns bons 15 dias na geladeira.

Creme de caramelo:

Em uma panela, dissolva o amido de milho no leite com o fogo DESLIGADO. Só depois de ter dissolvido completamente, ligue o fogo e mexa sem parar até engrossar.

Quando virar um creme espesso, desligue o fogo e continue mexendo por uns 30 segundos. Em seguida, adicione aos poucos o caramelo e vá incorporando ao creme. Passe para um recipiente e deixe esfriar. Pode cobrir pra evitar película, mas nesse caso eu não ligo muito não.  

Massa da torta

Em um recipiente, misture todos os ingredientes menos a agua usando as pontas dos dedos para quebrar os pedacinhos de manteiga. Vá adicionando a àgua aos poucos, uma colher por vez, até dar liga.  

Envolva a massa em um papel film, embalando já num formato de disco, para facilitar seu trabalho depois. Deixe na geladeira por pelo menos 30 minutos, quanto você cuida do resto.

Recheio Maçã 

Descasque as maçãs e corte em gomos. Pode cortar os comos no meio se preferir também. Misture todos os ingredientes em uma vasilha e deixe descansando.

Farofa crocante

Misture todos os ingredientes com as pontas dos dedos, até virar uma farofinha, parecendo uma areia molhada. Use só as pontas dos dedos para misturar, porque você não quer sumir com os pedacinhos de manteiga por completo. A gente precisa (e ama) estes pedacinhos para dar a textura certa para a farofinha, tá? 

Montagem da torta

Pré aqueça o forno a 180 ºC. Pegue a massa na geladeira e abra em um disco grande. Cubra o fundo e as laterais de uma forma de torta (ou o mais perto que você tiver, como uma assadeira de uns 20 cm). Pode ser que a massa quebre quando você for passar pra forma, mas é só ir remendando e ajeitando com as pontas dos dedos. Ninguém vai ver a parte de baixo da torta, tudo bem se ficar remendada, tá? 😉

Quanto mais rápido você trabalhar aqui, melhor, porque a manteiga vai derretendo e a massa vai ficando mais chatinha de trabalhar. Se ela ficar muito mole, volte pra geladeira e deixe mais uns 20 minutos antes de continuar.

Alias, depois de abrir a torta, você pode até deixar a massa uns 5 minutinhos mais na geladeira enquanto você prepara o recheio. 

Retire qualquer excesso de água que a maçã tenha soltado e misture com o creme de caramelo. Eu gosto de ir jogando aos poucos e misturando, pra garantir que vai ficar uma quantidade equilibrada. Não precisa exagerar na quantidade de creme, mas aí no vídeo por exemplo, eu usei ele todinho porque minhas maçãs eram grandes.

Pegue a massa de novo na geladeira, coloque as maçãs com o creme de caramelo até cobrir todos os cantos da assadeira, mas não faça aquelas montanhas altíssimas de maçãs como em uma apple pie tradicional. Se você fizer isso, a farofinha vai escorregar toda e queimar. Ninguém quer isso, certo?

Por último, cubra cada cantinho com a farofa. Se sobrar farofinha no final, congele e use com qualquer fruta assada, outras tortas.

Lembra da paciência que eu te pedi? Então, é hora de usá-la. Deixe essa torta no forno até dourar bem. Eu tive que deixar pouco mais de 2 horas aqui, mas vai depender do seu forno. 

Retire do forno e espere esfriar um pouco (paciência de novo!!). Coloque o resto do caramelo uns 20 segundos no microondas até ele voltar a ficar mais ralo. Com um garfo, decore toda a torta com pequenos fios de caramelo. Cuidado para não exagerar, tá? Já tem bastante caramelo dentro da torta.

Por fim, sirva morna com sorvete de creme e se quiser, com um pouquinho mais caramelo.

torta de maça
Guarde um pouquinho do caramelo pra enfeitar a torta no final!

Eu amo essa receita e espero que ela faça sucesso aí também. Já sabe, né? Se fizer, me marca lá no instagram porque eu amoooo ver as fotos (sempre bem melhores que as minhas inclusive) e passar vontade com as versões de vocês.