Preparativos

Como é alugar um carro na Sixt

Muitos leitores do VPD nos pedem recomendações de locadoras de veículos e perguntam como é alugar um carro em cada uma delas – hoje vou escrever da nossa experiência com a Sixt.

É muito difícil apontar qual é a melhor locadora de veículos nos EUA, pois assim como qualquer outra empresa, esse ranking vai ser um resultado de uma opinião pessoal e de uma experiência pontual. Isso significa que se você já foi enganado pela locadora X, não adianta eu dizer que ela é a melhor para se usar em Orlando que você não vai concordar comigo, certo? Então o melhor que eu posso fazer é contar como foi a nossa experiência alugando em cada uma delas. Hoje, irei falar da alemã Sixt, que aterrissou nos EUA em 2011 e é conhecida por seus preços baratos.

Recepção da Sixt em Orlando. Atendimento hiper rápido quando estivemos por lá

Recepção da Sixt em Orlando. Atendimento hiper rápido quando estivemos por lá

Antes de começar, acho que vale a pena recomendar os links mais importantes, se você está pensando em alugar carro na sua viagem:

  • Descubra as dicas para alugar carro em Orlando, clicando aqui.
  • Para saber mais sobre como dirigir em Orlando, clique aqui.
  • Se quiser tirar suas dúvidas sobre pedágios, clique aqui.
  • Para saber tudo sobre viajar de carro entre Miami e Orlando, clique aqui.
  • Veja como alugar carro dentro da Disney, clicando aqui.
  • Se quiser ver nossa opinião sobre as outras locadoras e quais são as melhores e piores, clique aqui.

Links passados, agora vamos para o resumo da ópera:

O que gostei da Sixt?

  • Preço muito justo e normalmente abaixo dos encontrados nas outras locadoras
  • Carros novos e pouco rodados
  • Atendimento rápido e não insistente
  • Boa opção de pacote de pedágios para quem vai de Miami a Orlando

O que não gostei da Sixt?

  • Não chega a ser um problema, mas o fato dela ficar fora do aeroporto de Orlando não me atraía. Contei mais abaixo.
  • Se você devolver o carro com o tanque vazio ou com meio tanque, vai pagar uma fortuna pelo reabastecimento.

Como foi alugar o carro na Sixt?

Como sempre falo, o importante para economizar em uma viagem ao exterior é pesquisar muito. Quase sempre uso sites de comparação de preço como o Rent Cars (brasileiro) e o Rental Cars (estrangeiro) pois eles costumam praticar preços bem abaixo dos encontrados quando se aluga um carro diretamente no balcão da locadora. Nessa viagem, eu usei o Rent Cars que trabalha com a Sixt bem como as outras principais locadoras de Orlando.

Fiz a reserva pelo site com a opção pré-paga, ou seja, ao chegar em Orlando, não tive que desembolsar nenhum centavo a mais e todos os seguros e taxas já tinham sido pagas. A única opção extra que poderia ser paga no balcão, era o pacote de pedágio que custava US$7.99 dólares a mais por dia de locação, mas como nessa viagem só fiquei entre Orlando e Tampa, onde a grande maioria dos pedágios aceita pagamentos em dinheiro e moedas, não incluí esse pacote. Para saber mais sobre os pedágios na Flórida, clique aqui.

Um fato que diferencia a Sixt das outras locadoras dos EUA é que por ser alemã, uma boa parte da sua frota é composta por veículos de montadoras desse país, como Audi, BMW e Mercedes Benz. Tudo isso por preços relativamente mais baixos, então nessa viagem, eu decidi aproveitar a chance para dirigir pela primeira vez na vida uma BMW.

Retirando o carro na Sixt de Orlando

O que muita gente não gosta da Sixt é o fato dela ficar fora do aeroporto de Orlando, ou seja, você tem que sair do terminal para retirar o carro. Eu mesmo tinha um pouco de preconceito com isso, mas te garanto que minha experiência foi menos penosa do que eu pensei que seria. É claro que eu gosto do conforto de arrastar as malas direto da esteira até o porta-malas do carro, porém não sofri nada mais por ter que pegar um transporte – gratuito! – até o pátio da Sixt.

Primeiro andar do aeroporto de Orlando. Onde ficam as locadoras de carro

Primeiro andar do aeroporto de Orlando. Onde ficam as locadoras de carro

Depois de pegar as malas na esteira de bagagem, a gente desceu até o primeiro andar do aeroporto de Orlando, onde ficam as locadoras de carro. Passei batido pelos balcões das locadoras ali e fui direto para o lado de fora, onde encontrei uma plaquinha que dizia “Off-Airport Car Rentals“. Depois de cinco minutos esperando, uma van da Sixt parou ali e o motorista rapidamente colocou as nossas malas no porta-malas e nos levou até o pátio da locadora.

Veja a última placa que aponta para a Sixt e para outras locadoras que ficam fora do terminal

Veja a última placa que aponta para a Sixt e para outras locadoras que ficam fora do terminal

Eu cronometrei e naquela manhã de segunda-feira de verão, a van demorou exatos 7 minutos entre partir do aeroporto até estacionar no pátio da Sixt. É realmente bem rápido e só deu tempo de eu configurar o meu chip do celular durante o percurso, o que foi um tempo bem usado! hehe

Shuttle da Sixt que leva até o aeroporto de Orlando sem custo nenhum

Shuttle da Sixt que leva até o aeroporto de Orlando sem custo nenhum

Ao entrar na recepção da locadora, esperei na fila uns dez minutos até uma atendente me chamar até o balcão. Eu falei inglês com ela, mas notei que ela sabia muitas palavras e frases em português enquanto ela atendia o casal antes de mim que não falava nada e inglês. Ou seja, não se preocupe, como eu sempre digo, Orlando está mais preparado para os brasileiros do que muita gente pensa.

Entreguei já de cara o papel da Rent Cars com o comprovante de reserva, junto com o meu passaporte, CNH e um cartão de crédito, pois sei que é sempre isso que eles vão pedir. A atendente localizou a reserva, imprimiu o contrato que você assina digitalmente em uma telinha que fica presa na mesa. Ao mesmo tempo ela passou o cartão de crédito e “segurou” 899 dólares do meu cartão como caução, que só foi liberado na devolução do veículo – esse valor foi bem maior do que os 300 que vemos na média das outras locadoras, talvez por ser uma BMW. Por esse motivo, nunca recomendo usar cartões pré-pago/VTM como caução: por ser de débito, esse valor não fica disponível até o fim da viagem e para que você vai querer voltar com esse dinheiro para o Brasil né? Para saber mais detalhes sobre esse assunto, clique aqui.

Contrato e comprovante do aluguel na Sixt em Orlando, recebido na retirada do veículo

Contrato e comprovante do aluguel na Sixt em Orlando, recebido na retirada do veículo (clique sobre a imagem de quiser ver a versão completa)

Logo em seguida ela me entregou uma chave, um mapa de Orlando e minha cópia do contrato e disse que meu carro já estava me esperando do lado de fora.

Condições do carro da Sixt

Era uma BMW 328i. Não tem muito o que dizer do carro! hehe

Queria ter dinheiro para ter um desses! hehe

Queria ter dinheiro para ter um desses! hehe

O carro estava bem novo, com pouco mais de 18 mil milhas rodado. Quando a Sixt me entregou, notei que ele não estava impecável no ponto de vista de limpeza, mas também não era sujo como alguns que já encontramos em outras locadoras (destaque para a Dollar, onde pegamos um carro imundo e vamos falar no futuro aqui no VPD). O painel estava um pouco empoeirado e os porta trecos espalhados pelo carro sempre tinham pó e ciscos de sei lá o que. Mas era uma BMW né? Quem liga?

Não tivemos nenhum problema com o carro durante a viagem e a parte boa é que ele era bem econômico. Nos 15 dias que ficamos em Orlando, só abasteci o carro uma vez durante a viagem e uma segunda vez antes de devolvê-lo.

Esperando na fila para ser atendido na Sixt de Orlando

Esperando na fila para ser atendido na Sixt de Orlando

Como quase que a totalidade dos carros para locação noa EUA, esse também era câmbio automático, então se você tiver dúvidas sobre como dirigir nos EUA e em Orlando, clique aqui para ver nosso guia de dicas.

Devolução do carro no pátio da Sixt

No dia de ir embora, eu parei em um posto de gasolina um pouco antes de chegar no aeroporto para entregar o carro com o tanque cheio. Para se ter uma idéia, paguei uma média de 2.20 dólares/galão no posto que encontrei na estrada, mas se eu tivesse entregado o carro sem estar com o tanque cheio (no mostrador do painel), teria pagado 8 dólares/galão que é o valor cobrado pela Sixt. Então tome cuidado para não se esquecer!

Ao chegar no pátio, um atendente logo chegou no carro, me pediu o comprovante da locação, que recebi na retirada e pediu para eu verificar se não tinha esquecido nada no carro. Tirei tudo junto com a minha mala e ele me perguntou se eu queria que ele imprimisse o recibo de devolução ou se eu preferiria que ele me enviasse o comprovante por e-mail. Optei pela segunda e já estava pronto. Logo uma van me pegou e me levou de volta ao aeroporto. Simples assim 🙂

Minha conclusão sobre a Sixt

Comecei o post contanto que tinha preconceito com os preços baixos cobrados pela Sixt e pelo fato dela não estar dentro do aeroporto de Orlando. Porém, essas duas expectativas foram superadas e eu adorei ter alugado um carro, novo, moderno e fora do meu alcance no Brasil, por um preço justo. Gostei do atendimento e em nenhum momento os atendentes ficaram me empurrando pacotes extras e itens adicionais para eu pagar no momento da retirada do carro. Tampouco criaram histórias e mentiras como a famosa “é ilegal alugar carro sem seguro nos EUA”. Gostei disso e por isso recomendo a Sixt desde então para meus amigos e familiares.

botao-alugue-carro-orlando-desconto-promocao

Espero que tenham achado a nossa avaliação útil e fiquem ligado no VPD pois nos próximos meses, vamos continuar publicando novas avaliações de locadoras de carro em Orlando.



O Vai Pra Disney é um blog independente e não é um canal mantido pela The Walt Disney Company. As informações contidas nesses sites representam a opinião de seus autores, colaboradores e usuários. Walt Disney World Resort, nomes e logos são marcas registradas da The Walt Disney Company.