Comida

Tiffins: restaurante exótico do Animal Kingdom

Como parte das mudanças que estão rolando no Animal Kingdom, a Disney inaugurou um novo restaurante nesse parque, o Tiffins. Ele chegou com uma proposta de ser o restaurante mais chique, caprichado e exótico desse parque que já tem diversas opções muito gostosas para todos os bolsos.

Nós tivemos a oportunidade de conhecer o Tiffins bem no dia de sua abertura, fomos inclusive os primeiros visitantes a ocuparem uma das mesas. E claro que a gente já saiu de lá louco para dividir essa novidade com vocês!

TIFFINS-ANIMAL-KINGDOM-43

Mais uma novidade que chegou no Animal Kingdom.

Como eu já falei na nossa matéria sobre onde comer no Animal Kingdom, para mim este parque é sempre uma tranquilidade quando a gente pensa em alimentação, pois tem ótimas opções de comida que fogem do básico americano. O Tiffins vai ainda além, com um cardápio com muita influência africana e asiática, em um ambiente decorado com todo o cuidado, com a cara do Animal Kingdom. O resultado é sensacional. Espero que gostem também!

TIFFINS-ANIMAL-KINGDOM-5

Um pouquinho de parte do Tiffins por dentro. Esta é a sala dos animais.

Como é o Tiffins

O Tiffins é um restaurante que exalta algo que a gente adora: viagens! Ele é inteirinho decorado como se fosse uma área onde exploradores do mundo guardam sua coleção de relíquias e lembranças de viagens. Pelas paredes, você vê diversas fotos de viajantes e já na entrada, um mapa rústico chama atenção com um detalhe todo especial: em cada país que há uma Disney, há um castelinho desenhado no mapa.

TIFFINS-ANIMAL-KINGDOM-6

Adorei esse mapa!

A gente sempre fala do cuidado da Disney com os detalhes na decoração de qualquer nova atração, hotel ou restaurante, mas aqui isso é levado para outro nível. A quantidade de quadros, artefatos, itens de viagem e decorações típicas espalhadas pelas paredes do Tiffins é impressionante. Isso tudo sem contar a música ambiente, que também colabora para a criação do cenário perfeito. 

TIFFINS-ANIMAL-KINGDOM-11

Detalhes da decoração: papeizinhos onde os visitantes compartilham histórias de suas viagens.

Esse restaurante é dividido em várias salas, cada uma representando um local. Nós ficamos na sala da África, mas há também a sala da Ásia e a sala dedicada aos animais. Todas bem bonitas, mas eu gostei mais da nossa mesmo. 😛

Dentro do bar, você encontra uma grade no teto e em algumas paredes, onde as pessoas podem pendurar seus relatos de viagens e aventuras em uns papeizinhos que o restaurante entrega. Apesar de termos visitado o Tiffins no primeiro dia de funcionamento, já existiam uns papeizinhos pendurados, então ou a Disney inventou algumas histórias ou pediu para os funcionários compartilharem as deles mesmos hehehe

TIFFINS-ANIMAL-KINGDOM-16

A sala da Africa em que ficamos. Achei linda!

Além disso, há também o Nomad Lounge, uma espécie de bar com um terraço legal e uma vista agradável que pode ser o seu destino final (caso queira um drinque e não queira comer), ou uma parada até que sua mesa esteja pronta. Você vê pela proposta do Nomad Lounge que esse restaurante todo foi mesmo pensado para complementar a oferta do Animal Kingdom durante a noite.

TIFFINS-ANIMAL-KINGDOM-42

O Nomad Lounge pode ser acessado por dentro e por fora do restaurante.

Chegando no Tiffins, você passa pelo processo padrão dos restaurantes da Disney: vai para uma fila para falar com um atendente, para quem você vai informar nome na reserva ou pedir a mesa para a quantidade de pessoas no seu grupo. Nessa hora, muitos restaurantes dão um pager que toca quando sua mesa está pronta, mas aqui só perguntaram se eu tinha um número de telefone nos EUA e como eu tinha, pegaram meu número e me informaram que me enviariam um sms quando a mesa estivesse pronta. O mesmo esquema do Skippers Canteen no Magic Kingdom por exemplo.

TIFFINS-ANIMAL-KINGDOM-13

Corredor de acesso ao Nomad Lounge com várias fotos de viajantes expostas.

Foi só o tempo da gente tirar umas fotos e conhecer o espaço e já chegou a hora de irmos para a nossa mesa.

A comida do Tiffins

O cardápio do Tiffins é bem variado, mas sempre com opções mais exóticas. Não é um restaurante que recomendo para quem tem um paladar mais tradicional, mas para quem gosta de comida diferente, esse lugar é perfeito!

TIFFINS-ANIMAL-KINGDOM-18

Algumas das opções do cardápio do Tiffins.

Eu mesma sou meio chatinha, então só gostei de uma ou outra opção no cardápio mas fiquei curiosa para experimentar tudo que me interessou.

Por isso mesmo, eu e a Bia decidimos dividir uma entrada, um prato e uma sobremesa. Assim poderíamos comer bem e experimentar mais coisas do menu. Já o Felipe pediu uma entrada, prato e sobremesa só pra ele (e deu conta do recado sem problemas! hehe).

TIFFINS-ANIMAL-KINGDOM-26

Alguém reconhece essa árvore? Sim, é uma réplica daquela árvore do Safari! 🙂

Como não somos familiarizados com a maioria dos pratos ali, o nosso garçom, o Hassan do Marrocos, foi extremamente atencioso e foi explicando um por um todos os pratos mais tradicionais do Tiffins. Além disso, respondeu nossas dúvidas sobre os outros pratos que tinham algum ingrediente que a gente não sabia o que era.

TIFFINS-ANIMAL-KINGDOM-23

Um pouquinho da nossa cesta de pães da casa.

Dica: a Disney tem wifi gratuito. Se você não quiser ficar perguntando muito para o garçom, jogue no bom e velho google o nome daquele ingrediente que você não sabe o que é. Eu faço isso toda hora nesses restaurantes diferentões. Assim garanto que não vai ter nenhuma surpresa no meu prato! 😉

TIFFINS-ANIMAL-KINGDOM-24

Molhinhos que acompanham os pães.

Para a entrada, eu e a Bia decidimos pedir a cesta de pães da casa. Não havia nenhum pão de queijo ou pão francês por ali, claro. Eram pães bem diferentes e acompanhados de pastinhas e molhos bem temperados. Todos muito gostosos, exóticos e com a apresentação linda. Vi mais influência indiana do que africana nesses pães. Teve só um pão meio frito que não curti muito não. Ele parecia pastel de vento, já que era uma casquinha de massa frita, mas era temperado demais para meu gosto. Fui voto vencido porque o Felipe e a Bia adoraram esse pão.

TIFFINS-ANIMAL-KINGDOM-25

A apresentação dos pratos é bem charmosa.

O Fe pediu um bolinho frito feito com uma massa de feijão fradinho (no inglês, chamado de Black Eyed Peas … 🙂 where is the love?). Vinha com dois molhos: um vermelho levemente apimentando e outro verde com base de coentro. A apresentação era linda e ele gostou bastante do sabor também!

TIFFINS-ANIMAL-KINGDOM-22

Entrada que o Felipe pediu.

Para o prato principal, há diversas opções diferentes cheia de frutos do mar, cordeiro e outras carnes mais especiais, mas como estava um dia de muito sol no parque, não achei que nada muito pesado combinaria com nosso passeio. Eu e a Bia dividimos um frango com cuscuz marroquino que estava delicioso. O frango era bem temperado e no ponto certo e o cuscuz era super levinho.

TIFFINS-ANIMAL-KINGDOM-34

Nosso frango estava bem temperado e super leve.

O Fe quis uma carne do tipo wagyu (ou seja, no mesmo estilo kobe, com uma qualidade muito boa) com molho chimichurri, batatas peruanas (que ele não comeu, porque eram roxas. hehehe) e umas cenourinhas. Ele adorou o prato e eu confesso que eu também. Apesar de não ter me arrependido porque também adorei o frango que eu comi, eu experimentei a carne e estava realmente espetacular.

TIFFINS-ANIMAL-KINGDOM-31

Prato de carne que o Felipe pediu.

Para sobremesa eu e a Bia quisemos experimentar um creme de maracujá com tapioca, só porque tinha tapioca no nome. Estava gostoso mas nada demais. Se você decidir pedir essa sobremesa, fica o aviso: cuidado que tem um monte de grapefruit (toranja) no meio. Essa fruta é super amarga e quando eu vi no fundo do doce, achei que era tangerina. Fui com tudo comer e me dei mal. Depois disso, separamos as grapefruits e ficou tudo bem.

TIFFINS-ANIMAL-KINGDOM-37

Nosso creme de maracujá com tapioca (e grapefruits escondidas).

Agora, se eu voltar no Tiffins, não vou nem pensar duas vezes: vou direto na sobremesa que o Felipe pediu que era MUITO melhor. Minha sugestão para você é que nem olhe o menu: peça o cheesecake! Ele é teoricamente um cheesecake de limão, mas na verdade é um bolinho esponja de chá verde com um creme bem rico em chocolate branco também. Eu nem senti o limão para falar a verdade mas AMEI essa sobremesa. Para mim, foi o prato mais marcante desse almoço no Tiffins.

TIFFINS-ANIMAL-KINGDOM-35

Essa sobremesa foi especial!

Como já esperávamos, a conta não ficou nada barata. A gente já sabia que este era um restaurante caro e na curiosidade, ainda pedimos prato principal, entrada e sobremesa. Ou seja, é claro que ficou pesado.

Dividimos a conta em dois porque o Felipe usou uns créditos que a gente ainda tinha no plano de refeições da Disney, mas eu e a Bia (que dividimos tudo menos a bebida) gastamos cerca de 70 dólares já com gorjeta para uma refeição completa (ou seja, um prato, uma entrada e uma sobremesa) com dois refrigerantes. Isso porque a gente pediu o frango, mas a carne do Felipe já custava mais de US$50 dólares- só os pratos dele teriam dado uns 80-90 dólares com gorjeta. Ou seja, é um restaurante para quem realmente curte este tipo de experiência e está com um orçamento legal na viagem.

Haja Earl of Sandwich, Perkins e outros restaurantes bons e baratos para a gente se recuperar depois dessa. hehehe

Conclusão sobre o Tiffins

Adoramos a nossa experiência no Tiffins. É BEM diferente do que estamos acostumados e não vai agradar todo mundo, mas para quem gosta de experimentar novos sabores ou curtes temperos mais asiáticos e africanos, vale muito a pena! Ali você encontra alta gastronomia, preparada com todo cuidado e com uma execução maravilhosa.

Apesar de muito bom, é também muito caro então se prepare. Não digo nem que não vale o preço, pois acho que é realmente uma cozinha muito superior a de outros restaurantes que a gente vê por aí e merece cobrar de acordo. A qualidade de tudo que comemos é indiscutível e eu acho que há uma arte envolvida no preparo de pratos exóticos como esses. Isso dito, não é um restaurante que eu penso em voltar tão cedo, afinal, já experimentei o que me interessava ali.

Mais detalhes da decoração do Tiffins.

Mais detalhes da decoração do Tiffins.

A comida é muito boa mas é exótica, então não é nada que a gente queira comer sempre. É uma experiência pontual que valeu muito a pena, mas não penso em repetir tão cedo (tanto pelo custo como pelo tipo de cozinha). De qualquer forma, é indiscutível que para a gente, foi uma refeição bem especial e recomendo demais para quem tiver a chance de conhecer.  

Para a gente, valeu demais a experiência. Foi incrível esse almoço no Tiffins.

Para a gente, valeu demais a experiência. Foi incrível esse almoço no Tiffins.

Nome: Tiffins
Endereço: 2901 Osceola Pkwy,Orlando, FL 32830 (Veja no Google Maps)
Telefone: 1 407-939-5277
Referência: dentro do parque Disney’s Animal Kingdom
Preço: algo US$50 e US$90 por pessoa, variando muito de acordo com o pedido
Horário de Funcionamento: normalmente das 11h30 às 15h30 no almoço e das 16h até o parque fechar no jantar. Veja aqui como verificar certinho o horário no dia da sua visita.
Cardápio: clique aqui para ver o cardápio em português.
Disney Dining Plan: Sim, vale dois créditos Table Service
Avaliação do VPD: Nota 4 de 5



O Vai Pra Disney é um blog independente e não é um canal mantido pela The Walt Disney Company. As informações contidas nesses sites representam a opinião de seus autores, colaboradores e usuários. Walt Disney World Resort, nomes e logos são marcas registradas da The Walt Disney Company.